segunda-feira, 27 de junho de 2016

Encontro às escondidas: Temer recebeu Cunha no Jaburu no domingo

O presidente afastado da Câmara, entretanto, nega o encontro, confirmado por interlocutores do presidente em exercício.
CARLA ARAÚJO E ERICH DECAT
O ESTADO DE S.PAULO

O presidente em exercício Michel Temer recebeu na noite deste domingo, 26, o presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em sua residência oficial, o Palácio do Jaburu. Segundo interlocutores de Temer, que confirmaram o encontro, os dois fizeram uma avaliação do quadro político atual. A reunião teria sido uma iniciativa de Cunha. Procurado, Cunha negou o encontro. "Não estive com ele ontem (domingo). Eu não confirmo."

Além das implicações de Cunha no âmbito da Operação Lava Jato e suas possíveis consequências para o governo de Temer, o Planalto também se preocupa com a sucessão na presidência da Câmara dos Deputados. O governo teme que um racha entre os aliados para a disputa prejudique a governabilidade na Casa e votações de seu interesse. Nos dois casos, entretanto, até agora o esforço de Temer era implantar o discurso de que o assunto do Legislativo não pode sofrer interferência do executivo.

Em entrevista na sexta-feira, 24, Temer disse que Cunha não o atrapalha em "absolutamente nada" e que era "claro" que os dois conversavam.

"Aqui no Brasil há esse preconceito. Acha que não se pode falar com ninguém. Me lembro que no governo (passado), quando eu falava com a oposição, ficavam irritados, achando que eu estava traindo o governo. O que revela uma ignorância em matéria política. Ou que não pode falar com uma pessoa que está sendo investigada. Eu falo com todo mundo. Tenho 33 anos de vida pública e falo com todo mundo. Há umas três semanas ele esteve comigo. Fizemos uma análise deste quadro dramático.".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...