sábado, 16 de julho de 2016

Governo entrega primeira unidade do programa ‘Escola Digna’ e garante novas perspectivas para educação do estado

O antigo local da Unidade Escolar Pedro Alváres Cabral, que era apenas uma sala sem qualquer estrutura com teto de palha, deu lugar a um prédio todo equipado e adequado para o ensino. 
Um lugar onde meninos e meninas poderão, a partir de agora, vislumbrar oportunidades verdadeiras de desenvolvimento e melhoria de suas condições por meio da educação.
“Eu consigo ver hoje uma escola de verdade e isso dá a esperança de dias melhores”, com esta esperança a estudante Marivalda dos Santos, 14 anos, comemorava a entrega da escola Pedro Álvares Cabral, inaugurada pelo governador Flávio Dino nesta sexta-feira (15), em clima de muita emoção, felicidade e agradecimento. A unidade, primeira ‘Escola Digna’ inaugurada pelo Governo do Maranhão foi completamente reconstruída para retirar a comunidade do mapa do esquecimento e dar condições para o desenvolvimento social do município.

Essa população passa a viver agora uma nova realidade com as ações do Governo do Estado, que iniciam pela melhoria da Educação, e já representa um marco importante na vida de muita gente. É o caso da dona de casa Luiza da Silva de Oliveira, 67 anos, que mora no povoado Morro Redondo. Ela conta que durante toda a vida foi lavradora e lembra a vida difícil que passou com a família – 16 filhos, 56 netos e 18 bisnetos.

“A condição sempre foi pouca. Tudo muito difícil na vida da roça. Para conseguir botar um filho para estudar tinha que ter muita força de vontade. É difícil uma criança querer estudar sem condição nem de sentar numa cadeira decente”, relembra dona Luiza. “Ninguém olhava por nós aqui e fico muito emocionada de ver isso mudar”.

O antigo local da Unidade Escolar Pedro Alváres Cabral, que era apenas uma sala sem qualquer estrutura com teto de palha, deu lugar a um prédio todo equipado e adequado para o ensino. Um lugar onde meninos e meninas poderão, a partir de agora, vislumbrar oportunidades verdadeiras de desenvolvimento e melhoria de suas condições por meio da educação.

O governador Flávio Dino demonstrou sua emoção ao entregar a unidade escolar à população e aos estudantes da localidade. “Esse é um programa fundamental que nos enche de alegria e emoção. Isso porque estamos realizando algo concreto na Educação do Estado, substituindo uma escola precária por uma escola de verdade, fazendo com que estes meninos e meninas, por meio dos educadores, possam ter um espaço adequado e digno para aprender”, disse.

Na ocasião, o governador conversou com estudantes, professores e ressaltou o compromisso da gestão com a melhoria das condições na Educação e demais setores prioritários. “Foi emocionante conversar com os alunos e ver que uma nova esperança se abre na vida deles. Ver que vale a pena nosso esforço, dedicação e determinação para fazer grandes transformações que podem começar em pequenos lugares. A entrega desta escola é um marco para a educação no Maranhão”, enfatizou o governador.

Dos netos de dona Luíza Oliveira, sete estão em idade escolar e poderão usufruir da nova estrutura da escola entregue pelo governador Flávio Dino. “Meus filhos não puderam estudar. Não tinha condição em casa, nem na escola. Mas, fico feliz que meus netos terão a oportunidade de ter um outro destino”, disse ela. Serão mais 300 novas escolas construídas, substituindo unidades de barro e palha por prédios adequados e dignos e levando novas perspectivas a outras famílias como a de dona Luíza.

Página virada

Marivalda dos Santos Araújo, 14 anos, aluna da 7ª série e que estudou durante seis anos na unidade, lembra que na única sala eram mais de 40 alunos amontoados. Olhando o novo prédio ela diz não reconhecer mais o que vê. “Minhas irmãs estudam aí e estou feliz porque vai ficar melhor para elas e para outras crianças também. Eu consigo ver hoje uma escola de verdade e isso dá a esperança de dias melhores”, disse a jovem.

A estudante Laís Araújo, 12 anos, se mostrou feliz com a possibilidade de agora poder contar com um local mais digno para estudar. “Antes era muito ruim e não tinha vontade nem de vir aqui, era muito sofrimento. Agora a gente olha e nem acredita, é outra escola! Eu estou alegre e quero que todas as crianças tenham uma escola assim para aprender”, disse.

Estrutura e dignidade

A nova escola tem capacidade para atender 50 alunos por turno. São duas salas de aula, mais sala multimeios, sala de diretoria, banheiros, cozinha e pátio central. A unidade vai oferecer ensino fundamental e nessa parceria com as Prefeituras, o Governo do Estado dá a sua contribuição entregando escolas com estrutura adequada ao ensino.

O secretário de Estado da Educação (Seduc), Felipe Camarão, classificou como gratificante o momento que o Maranhão vive. “É emocionante e de uma importância fundamental, que marca o início, de fato, do programa Escola Digna. É um grande orgulho para o nosso Estado ver a Educação nesse caminho de esperança e de real mudança para melhor”, pontuou o gestor.


Outras 31 unidades estão em fase de construção nos municípios como Conceição do Lago Açu, Pedro do Rosário, Paulo Ramos e Marajá do Sena, que tem um dos piores IDHs do Brasil. Mais 73 unidades encontram-se em fase de licitação, para que sejam iniciadas as obras. Nessa primeira fase do programa serão construídas escolas de 1, 2, 4 e 6 salas de aulas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...