quinta-feira, 7 de julho de 2016

Investigador da Polícia Civil é preso por tentar receber R$ 2.500,00 para facilitar fuga de detentos em Barreirinhas


O investigador da Polícia Civil do Maranhão Salomão Mendes de Abreu foi preso por tentativa de facilitação de fuga de dois detentos da Delegacia de Barreirinhas. Ele receberia R$ 2.500,00 para permitir a fuga.

Além de Salomão, os policiais da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), com o apoio das delegacias de Rosário e Barreirinhas, prenderam em flagrante Marcelo Pereira Duailibe, Joadson Santos dos Santos, Fabio Lopes dos Santos, José Melquiades Lima Reis e Francilene Garcês da Costa.

O acerto era para facilitar a fuga de Marcelo e Joadson, presos na Delegacia de Barreirinhas por receptação e trafico de drogas. O acerto para pagamento do suborno ao investigador Salomão foi feito por Franciele e Jose Melquíades. A fuga seria na madrugada desta quinta-feira (07).

Francilene foi presa em flagrante por volta das 20h30 de quarta-feira (6), no momento em que fora entregar a quantia acertada ao policial civil.

Em revista na cela foram encontradas as chaves deixadas em seu interior pelo agente administrativo Fábio a mando do policial civil.

Os presos responderão pelos crimes de associação ao tráfico , corrupção ativa e passiva e facilitação de fuga de preso. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...