domingo, 14 de agosto de 2016

Rede Estadual de Ensino já teve 50 escolas reconstruídas em apenas 18 meses

Serão reconstruídos e reformados mais de 60 Centros de Ensino, em 39 municípios de diversas regiões do estado. Os investimentos na ordem de R$ 90 milhões beneficiarão diretamente mais de 40 mil estudantes, além de professores e funcionários das unidades escolares. Além das reformas, mais de 200 escolas passam por manutenção. 
Chegou a 50 o número de escolas reconstruídas e ampliadas, pelo “Escola Digna” no Maranhão. Iniciativa do Governo do Estado, o programa entregou mais seis unidades escolares reformadas neste sábado (13). Dessa vez, os municípios contemplados foram Gonçalves Dias, São Bento, Bacurituba, Candido Mendes, Tuntum e Dom Pedro. Com as novas unidades, já são mais de 30 mil estudantes beneficiados em 33 municípios.

Jhenmersson Rick, estudante do 3º ano do Ensino Médio do C.E Dr. Deusdeth Cortez em Bacurituba é um desses. A escola dele recebeu investimento de R$ 1.201.831,59, valor que para o estudante vai além do monetário, a escola agora é motivo de orgulho.

“Estamos com uma grande reforma e isso é uma grande conquista, vinda do Governo do Estado e pedida por nós há muito tempo. Essa reforma é muito importante porque nós não tínhamos isto tudo aqui, sofríamos com um grande calor nas salas, os banheiros estavam terríveis e essa escola era uma vergonha pra gente diante da sociedade. Agora, não. Estudamos em uma escola que é destaque em Bacurituba, a melhor escola daqui, temos o quadro de professores completo e lanche de melhor qualidade, banheiros bons e o principal, as salas climatizadas para que a escola, nossos professores venham desenvolver a educação de cada estudante daqui”, declarou Jhenmersson.

Em Gonçalves Dias, no C.E Profa Sulamita Lúcio do Nascimento foram aplicados R$ 1.031.026,18 e aluna Alana Rayssa, do 1° ano do Ensino Médio, também aprovou as mudanças na escola em que estuda. “Gostei demais porque a escola estava caindo por cima da gente, o banheiro era horrível, tinha rachaduras e agora está ótimo”, declarou.

No município de São Bento, a professora de geografia Milina Freire, do CE Kiola Costa, elogiou a oportunidade de ampliação da oferta de vagas na escola reconstruída pelo Governo do Estado. “Essa reforma vem beneficiar os alunos na infraestrutura que não tínhamos e também vai permitir a entrada de novos alunos da escola”, destacou a professora.

De acordo com o secretário de Educação, Felipe Camarão, o Programa Escola Digna é um compromisso de governo com a Educação. “É compromisso do Governador Flávio Dino transformar todas as escolas em dignas, com condições adequadas para a aprendizagem”, reafirmou Camarão.

Reconstrução

Os serviços realizados pelo Governo do Maranhão nas escolas maranhenses garantem novas estruturas com: telhados recuperados, pisos, instalações hidráulicas e elétricas renovadas, pintura das paredes, limpeza dos pisos, instalações de ar condicionados na sala de aula, instalação de novos quadros, paredes rebocadas e pintadas, reforma de banheiros, troca de portas, troca de luminárias, adequação da escola para deficientes, instalação da subestação de energia elétrica, adequação dos espaços de lazer, e, em algumas unidades escolares, reforma das quadras.

As obras são executadas pela Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra), em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), e fazem parte de um amplo programa de reestruturação da educação do Maranhão, chamado de ‘Escola Digna’.

Investimentos em infraestrutura que se somam conjunto de medidas desenvolvidos pelo governo do Maranhão de acordo com o secretário de Educação. “Os avanços na educação são estruturais e vão desde o ambiente escolar que está sendo requalificado, projetos pedagógicos mais adequados à professores valorizados. O Governo do Maranhão está trabalhando para fazer muito mais”, disse Felipe Camarão.


Até o fim desta primeira fase do programa ‘Escola Digna’ serão reconstruídos e reformados mais de 60 Centros de Ensino, em 39 municípios de diversas regiões do estado. Os investimentos na ordem de R$ 90 milhões beneficiarão diretamente mais de 40 mil estudantes, além de professores e funcionários das unidades escolares. Além das reformas, mais de 200 escolas passam por manutenção. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...