sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Investigado pela Polícia Federal, Eduardo Braide despenca em todas as pesquisas


Documentos divulgados pelo Blog do Gilberto Lima mostram que a Polícia Federal abriu inquérito, ainda em abril deste ano, para investigar o envolvimento do deputado estadual Eduardo Braide com as empresas que integram o esquema conhecido como “Máfia de Anajatuba”.

As empresas acusadas de integrar o esquema são Escutec, A4 Serviços e Entretenimentos, Vieira e Bezerra LTDA e AJF Júnior e operavam, segundo denúncia do Programa Fantástico, no quadro “Cadê o Dinheiro que Estava Aqui?, em pelo menos 12 prefeituras.

A abertura do inquérito foi autorizada pelo procurador regional federal Ronaldo Vieira de Vasconcelos, no dia 20 de abril do corrente ano. Após a determinação do procurador, a Polícia Federal deu início às investigações, mas acabou pedindo mais 90 dias de prazo para concluir a apuração.

Conforme o Blog de Gilberto Lima, se for denunciado, Eduardo Braide será enquadrado no artigo 1, da Lei 9613 (lavagem de dinheiro) : “Ocultar ou dissimular a natureza, origem, localização, disposição, movimentação ou propriedade de bens, direitos ou valores provenientes, direta ou indiretamente, de infração penal”.

Enquanto notícias cada vez mais complicadas envolvendo o deputado Eduardo Braide veem à tona, o candidato a prefeito do PMN despenca em todas as pesquisas.

Pesquisa do Instituto Ímpar (O Imparcial) coloca Edivaldo Holanda Júnior com 52,6 % das intenções de votos, contra 37,4 % de Eduardo Braide. Conforme o Ímpar, considerando apenas os votos válidos, Edivaldo Júnior tem 58,23 % e Braide 41,77 %.

Na pesquisa Ibope/Mirante Edivaldo aparece com 48 % contra 44 % de Eduardo Braide. O Instituto Data M, na última aferição, coloca Edivaldo com 55,1 % e Eduardo Braide com 44,9 % e pela Econométrica/JP Edivaldo está 17 pontos à frente de Eduardo Braide: 58,9  % a 41,1 %.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...