Fiscalização Fotossensores

Fiscalização Fotossensores

domingo, 1 de janeiro de 2017

Rebelião em presídio de Manaus tem mortes e reféns, diz SSP; detentos foram decapitados

Informação foi confirmada na noite deste domingo (1º).
Segundo órgão, 12 foram feitos reféns, entre presos e agentes carcerários.


Indiara Bessa e Jamile Alves
Do G1 AM

Uma rebelião no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), situado no km 8 da BR-174, em Manaus, deixou mortos e pelo menos 12 reféns neste domingo (1º). 

A informação é da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM). Conforme a pasta, trata-se de uma possível briga entre facções. Fugas também foram registradas.

A movimentação no presídio começou ainda no início da tarde. De acordo com informações da SSP, os corpos de seis pessoas - ainda não identificadas - foram jogados para fora do presídio, sem as cabeças.


Até 20h50 (22h50 no horário de Brasília), a SSP-AM afirma que 12 agentes carcerários são mantidos reféns. A liberação de dois deles está sendo negociada com os detentos. Outros funcionários que estavam na unidade prisional conseguiram escapar. Presos também são feitos reféns, mas não há precisão em números.

A SSP-AM contou também que ainda não entrou na unidade prisional para averiguar a situação dentro do Compaj e que, por esse motivo, ainda não pode contabilizar o número total de mortes.

Segundo o secretário de segurança pública, Sérgio Fontes, fugas foram registradas no Compaj, mas ainda não há confirmação da quantidade de presos foragidos. Mais cedo, a pasta confirmou fuga de detentos também do Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), situado no mesmo complexo. Em coletiva de imprensa, a Secretaria afirmou que 15 já foram recapturados, alguns escondidos na área de mata ao redor do presídio.

Fontes informou ainda que todo o efetivo policial de Manaus, entre policiais militares, de forças especiais e policiais civis, foram convocados para uma operação de segurança de emergência na capital. Na Avenida Torquatro Tapajós, que dá acesso à rodovia BR-174, barreiras policiais foram montadas para reforçar a segurança e auxiliar na busca por fugitivos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...