Mais Asfalto

Mais Asfalto

sábado, 15 de abril de 2017

Em depoimento, delator se contradiz sobre Flávio Dino; veja o vídeo

Contradições e incoerências de José de Carvalho Filho vêm estimulando novos questionamentos sobre o caso e validade da denúncia
de O Imparcial

Contradições e incoerências no depoimento de José de Carvalho Filho, ex-funcionário da Odebrecht que citou suposta participação do governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), em esquema de recebimento ilegal de doação durante a campanha de 2010, vêm estimulando novos questionamentos sobre o caso e validade da denúncia.

Um outro ponto que chamou atenção após a divulgação do vídeo com a íntegra da delação, é que Carvalho Filho se contradiz quando fala que o dinheiro recebido pela campanha de Dino em 2010, teria na verdade sido entregue como doação oficial, fato que inclusive anularia ou ao menos alteraria o caráter da denúncia.

Essa é pelo menos a segunda contradição já observada na delação de José Carvalho filho. As primeiras informações sobre o depoimento assinalavam que o então deputado federal Flávio Dino teria recebido R$ 400 mil para votar, na Câmara dos Deputados, projeto de lei que beneficiaria investimentos da Odebrecht em Cuba. Mas na gravação do depoimento do ex-empreiteiro, ele fala que a quantia doada seria de R$ 200 mil.

Flávio Dino nega a participação em qualquer tipo de esquema ilícito para recebimento de doações em suas campanhas, e desmentiu as acusações de que ele teria favorecido o Projeto de Lei 2279 ao apresentar documento que certifica que o governador – na época parlamentar – não apresentou parecer com relação ao projeto.

“Não pedi nem recebi. Não atendi interesses da Odebrecht. Projeto, que não é meu, jamais foi votado. Basta ver no site da Câmara”, esclareceu o governador.

Veja o vídeo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...