Mais Asfalto

Mais Asfalto

Intervenções no trânsito

Intervenções no trânsito

sábado, 20 de maio de 2017

Mesmo com o naufrágio de Temer, Sarney Filho encaminha carta ao PV e diz que continua ministro

Do UOL, no Rio

O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, divulgou neste sábado (20) uma carta enviada ao seu partido, o PV, na qual afirma que vai se manter fiel ao governo Temer porque considera ter obtido, em um ano, avanços significativos na área ambiental.

Desde o escândalo provocado pelas delações do grupo JBS, a gestão do presidente Michel Temer (PMDB) vem sofrendo baixas e ganhando rachaduras. Até sexta-feira (19), duas siglas se retiraram oficialmente da base aliada --PPS e Podemos (ex-PTN). Outras legendas ainda não definiram se vão romper ou não com o governo, mas já sinalizaram uma possível debandada.

Sarney Filho afirmou que sua posição foi tomada no sentido de colocar "a causa" do PV acima das relações de poder e dos interesses políticos. "Nosso partido tem uma causa, mas a causa que defendemos não tem partido. Assumi o ministério para servir ao país na área socioambiental, em que tenho atuado ao longo de todo o meu percurso político. Acredito que nos períodos críticos aqueles que são engajados em lutar por seus ideais têm responsabilidade redobrada."

Como feitos de sua gestão, o ministro cita, entre outras coisas, o arquivamento do processo de licenciamento ambiental da Usina Hidrelétrica São Luiz do Tapajós, no Pará, e o incentivo a fontes de energia limpa e renovável.

"Por tudo isso, apesar do contexto político conturbado, dos riscos de retrocesso ambiental e institucional, enquanto tiver a convicção de poder contribuir para a nossa causa, a causa da sustentabilidade e da economia verde, garantindo ganhos socioambientais, estarei disposto a ocupar este espaço que, nesta crise, adquiriu importância ainda maior."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...