IPTU 2017

Maranhão em Obras

Maranhão em Obras

terça-feira, 2 de maio de 2017

Sete Ônibus e um caminhão são incendiados em vias de acesso ao Rio de Janeiro

Segundo a Polícia Militar, ataques são represália a operação que prendeu 37 pessoas na Cidade Alta, em Cordovil, e apreendeu 32 fuzis
 Constança Rezende, Fernanda Nunes e Marcio Dolzan
O Estado de S.Paulo

RIO - Ao menos sete ônibus e um caminhão foram incendiados em vias de acesso ao município do Rio de Janeiro na manhã desta terça-feira, 2, o que levou o Centro de Operações do Rio de Janeiro (COR) a decretar estado de atenção na cidade a partir das 10h50. É possível, no entanto, que o número de veículos seja ainda maior.

Oficialmente foram confirmados incêndios em dois pontos da Avenida Brasil - nas pistas laterais, na altura da passarela 17, no bairro da Penha, e outro na entrada do bairro de Bonsucesso, ambos na zona norte. Foram registrados também episódios no bairro de Cordovil, também na zona norte.

"O estágio de atenção é o segundo nível em uma escala de três e significa que um ou mais incidentes impactam, no mínimo, uma região, provocando reflexos relevantes na mobilidade", informou o Centro de Operações.
Algumas regiões estão interditadas, enquanto equipes da Polícia Militar e dos bombeiros atuam nos locais.

Em comunicado oficial, a Polícia Militar informou que criminosos teriam ateado fogo aos veículos em represália a um intenso confronto com criminosos na Cidade Alta, em Cordovil.

O porta-voz da PM, major Ivan Blaz, informou que já foram apreendidos 32 fuzis e três pistolas, e 37 pessoas foram presas, durante ação do 16º BPM (Olaria) e do Batalhão de Operações Especiais (Bope) na favela Cidade Alta, em Cordovil, na zona norte.

Além da Cidade Alta, as favelas Parque das Missões, Nova Holanda e Kelson's, em Olaria, às margens da Avenida Brasil, são vasculhadas pela PM. Moradores dessas comunidades teriam ateado fogo a pelo menos sete ônibus e um caminhão na Rodovia Washington Luís, na manhã desta terça-feira,  em apoio à facção criminosa que domina o tráfico na favela de Cordovil.
A favela, dominada pela facção Amigo dos Amigos (ADA), foi atacada por traficantes do Comando Vermelho na madrugada desta terça-feira. Houve intenso tiroteio. A PM foi acionada e entrou na Cidade Alta de manhã. Acuados, os criminosos do Comando Vermelho teriam pedido a criminosos de outras favelas, que ateassem fogo aos ônibus. O objetivo, supostamente, seria distrair a polícia e facilitar sua fuga.

Entre os presos, há criminosos das duas facções. Eles foram levados para o 16º BPM e de lá seguirão para a Cidade da Polícia, na zona norte.  Nenhum dos participantes dos incêndios foi identificado nem preso. Seriam moradores se ligação direta com o tráfico.

"É impressionante o número de fuzis apreendidos hoje. Isso é reflexo (da maneira) como é permitida a entrada fácil de fuzis diariamente no Brasil, cruzando vários Estados. Até agora, só o Rio de Janeiro tem pagado a conta", disse Blaz. "Daqui a pouco, São Paulo, Minas Gerais e Centro-Oeste vão pagar."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...