Mais Asfalto

Mais Asfalto

Feirinha Prefeitura

Feirinha Prefeitura

sábado, 17 de junho de 2017

Novos hospitais vão manter a expansão da rede pública de saúde no Maranhão

Além dos cinco Hospitais Macrorregionais já entregues desde 2015, investimentos do Governo do Estado vêm sendo feitos para manter a expansão da rede pública de saúde. Entre os novos hospitais, por exemplo, está o de Balsas, no sul do Maranhão.

Serão 50 leitos a mais, incluindo UTI, que vão beneficiar mais de 240 mil pessoas de toda a região. O hospital, que está em fase de conclusão, será de alta complexidade. Ou seja, capaz de atender os casos mais graves, como cirurgias de grande porte e internações mais complexas.

“Infelizmente, nas décadas passadas não houve essa preocupação. Mas priorizamos esse tema e estamos, graças a Deus, com a obra praticamente pronta”, disse o governador Flávio Dino durante vistoria feita recentemente.

O Hospital de Balsas terá análises clínicas, exames de radiologia, ultrassonografia 24 horas, mamografia, endoscopia, eletrocardiograma, tomografia, agência transfusional, além de cirurgião geral 24 horas por dia, entre outros serviços.
Servidores e crianças

Outro hospital de grande porte que está sendo construído é o do Servidor, em São Luís. Serão 128 leitos para crianças e adultos, com investimentos de mais de R$ 55 milhões do Governo do Maranhão.

O Hospital do Servidor terá equipamentos com alta tecnologia em diversas especialidades médicas. No ambulatório, os pacientes terão à disposição 40 consultórios para atendimento médico e odontológico. Para exames, serão dez salas específicas de raios-x, tomografia, coleta de amostras para análises em laboratório, endoscopia e colonoscopia, ECG, ecocardiograma, mamografia, ultrassonografia e teste ergométrico.


As obras no Hospital da Criança também recebem cerca de R$ 10 milhões em recursos estaduais. A reforma da unidade é feita em parceria com a prefeitura de São Luís. Hoje, o hospital atende cerca de 400 pacientes. Depois das obras, a capacidade vai subir para mais de mil atendimentos.

Serão 91 leitos a mais de internação, chegando a 178 no total, incluindo UTI. O Hospital da Criança terá centro cirúrgico com quatro salas de grande porte, laboratório de análises clínicas, centro de diagnósticos de imagens, com aparelhos de ultrassonografia e tomografia computadorizada, entre outros equipamentos.
Já a antiga casa de veraneio do Governo do Maranhão está sendo transformada em uma casa de apoio para famílias de crianças que saem do interior para fazer tratamento neurológico no Centro de Referência em Neurodesenvolvimento, Assistência e Reabilitação de Crianças (Ninar), em São Luís.

Sorrir

Outra unidade que está sendo preparada é o Centro Odontológico de Crianças e Adultos (Sorrir), com previsão de entrega no segundo semestre deste ano. O centro vai preencher um vazio com o atendimento especializado e atuar como referência estadual para o diagnóstico precoce do câncer bucal.

O Sorrir funcionará ao lado da Farmácia Estadual de Medicamentos Especializados (Feme), na Praia Grande, em São Luís. O objetivo do centro é, além de ser uma referência para o diagnóstico do câncer bucal, realizar atendimento de alto padrão.

O Hospital de Traumatologia e Ortopedia, em São Luís, também está na lista de novas instalações. O serviço oferecido será de alta complexidade. Localizado na Rua Barão de Grajaú, no bairro Jardim Eldorado, na capital maranhense. O hospital contará com 44 leitos, sendo 10 para UTI.

A unidade terá três centros cirúrgicos com capacidade inicial para 400 cirurgias. O investimento é de mais de R$ 1,5 milhão.

Regionalização

A ampliação dos hospitais se dá em diversas regiões do estado, como ocorre na construção do Hospital de Balsas. Em breve, por exemplo, será entregue uma nova maternidade em Colinas, com 40 leitos.

Já os municípios de Pinheiro, São José de Ribamar e São Luís vão receber, até o fim do ano, novos Centros de Nefrologia e Hemodiálise para atender pacientes renais crônicos. Com a entrega dessas unidades pelo Governo do Maranhão, são mais 111 cadeiras de hemodiálise no Maranhão.

No segundo semestre deste ano vão começar as obras de outros quatro Centros de Nefrologia e Hemodiálise nos municípios de Chapadinha, Coroatá, Santa Inês e Imperatriz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...