segunda-feira, 10 de julho de 2017

Programa Juros Zero já garantiu R$ 1,8 milhão em financiamentos para pequenos empresários

O empresário Antônio Noleto aderiu ao programa Juros Zero do Governo do Maranhão
Antônio Noleto tem uma pequena empresa de material de limpeza e descartáveis. Há nove anos no mercado, os efeitos da crise econômica nacional o obrigaram a usar pela primeira vez parte de seu patrimônio pessoal para manter a saúde financeira do negócio. Foi aí que ele ficou sabendo do programa Juros Zero. “Essa iniciativa é importante num momento em que temos muitas dificuldades. Sempre fiz questão de honrar todos os meus compromissos e o programa Juros Zero é uma excelente oportunidade para manter as contas em dia num momento de muita inadimplência no mercado", conta.

Antônio é um dos empreendedores maranhenses que aderiram ao Programa Juros Zero, do Governo do Maranhão. O Programa garante a devolução integral dos juros sobre financiamentos feitos por empresários até o limite de R$ 20 mil. A operação é feita pelo Banco do Brasil, parceiro do programa.

Lançado há um mês, o Programa gerou até o momento R$ 1.861.700 referentes a 96 operações de crédito para empresários de todas as regiões do estado.

Segundo o gerente de Relacionamento do Banco do Brasil, Marcelo Botelho, a procura pelo financiamento é grande: “Temos feito muitas operações nos últimos dias, sobretudo nos municípios onde a Caravana Empresarial tem passado. Estamos nessa parceria com o governo à disposição para esclarecer o que for necessário”.

O Juros Zero é uma das medidas do Governo do Estado para proteger a economia maranhense, possibilitando aos pequenos empresários formar capital de giro, investir em estoque e manter salários de seus funcionários em dia, como explica o Secretário de Estado de Governo, Antônio Nunes: “Com o programa, a oferta de bens e serviços pela empresa fica menos onerosa e os preços desses bens e serviços poderão baixar. Vamos aquecer a demanda por serviços”.

É o caso também de Maria do Socorro Silva, proprietária de uma loja de peças de motocicletas em Caxias. Para ela, o Juros Zero foi importante para garantir que o valor de mercadorias fosse repassado com valor mais barato ao consumidor final: “Com essa ajuda, pude comprar material à vista e mais barato. Comprando mais barato, posso revender mais barato também. Neste momento de crise em que o dinheiro está mais raro, isso faz toda a diferença”.

Já o empresário Benedito Lindoso, que atua no setor de varejo há 17 anos em São Luís, diz que o programa vem num momento em que a crise nacional tornou os juros sobre financiamentos para as empresas muito altos. “Hoje quando vamos procurar os bancos para fazer empréstimo, notamos que o dinheiro ficou muito mais caro em função da instabilidade que o país atravessa. Resolvi aderir ao Juros Zero pela oportunidade de formar capital de giro mais barato e assim conseguir manter os compromissos”, explica.

Como aderir ao programa

Os interessados em participar do Juros Zero devem possuir empresas de pequeno porte com faturamento anual de até 3,6 milhões. O proprietário de micro e pequena empresa pode solicitar financiamento de até R$ 20 mil em qualquer agência do Banco do Brasil, munido de documentação comprobatória.

Quem pagar o financiamento em dia receberá do governo logo em seguida o valor integral referente aos juros da operação de crédito. Caso o interessado não possua conta corrente de pessoa jurídica, basta requerê-la junto à instituição bancária.

Caravana Empresarial

Secretários e presidentes de órgãos do governo percorrerão até novembro dezenas de cidades maranhenses fortalecendo parcerias, ampliando diálogo e levando serviços à centenas de empreendedores do estado. É durante a Caravana Empresarial que são apresentados programas como o Juros Zero e o Mais empregos, voltados para o incentivo à atividade produtiva.Em sete edições, a Caravana Empresarial já passou pelas cidades de São João dos Patos, Caxias, Timon, Imperatriz, Açailândia, Estreito e Balsas.

Nos dias 18 e 19 de julho será a vez da cidade de Presidente Dutra receber a comitiva da Caravana. Participarão do evento, além de empresários da cidade, representantes da classe empresarial dos municípios de Graça Aranha, Santa Filomena do Maranhão, São Domingos do Maranhão, Tuntum e Governador Eugênio Barros.


Já nos dias 19 e 20 de julho, a Caravana chegará à Barra do Corda, reunindo também empresários das cidades de Jenipapo dos Vieiras e Fernando Falcão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...