Mais Asfalto

Mais Asfalto

Feirinha Prefeitura

Feirinha Prefeitura

domingo, 20 de agosto de 2017

Assaltantes invadem comércio na Forquilha, fazem reféns, ferem proprietário e fogem com mais de R$ 3 mil

Três assaltantes invadiram o Varejão São Paulo, na MA-202/Estrada da Maioba, na Forquilha, por volta de 19h deste sábado (19), e roubaram mais de R$ 3 mil reais, além de celulares. O comerciante Francisco Lourenço, conhecido com “Paquito”, foi atingido por coronhadas na cabeça e sangrou muito. Ele foi levado ao Hospital São Domingos, onde permanece internado, mas fora de perigo.

Pelas informações passadas ao blog, o trio de assaltantes era formado por dois homens e uma mulher, portando armas de fogo. Depois de anunciarem o assalto, eles levaram o comerciante, funcionários e um cliente para a parte superior do imóvel, onde fica a residência. A esposa dele também foi feita refém. Já a filha conseguiu se trancar no quarto, de onde conseguiu acionar a polícia.

Antes da chegada dos policiais, os assaltantes reviraram toda a casa em busca de dinheiro.

“Eles imaginavam que eu guardasse uma grande quantidade de dinheiro e pediam insistentemente a chave do cofre (que não existe). Um deles terminou me acertando com uma coronhada forte que provocou sangramento grande. Eu tinha R$ 3 mil no bolso e entreguei para eles. Foi momento de pânico”, disse o comerciante no hospital.

Os assaltantes também levaram R$ 350,00 de um cliente e outra quantia em dinheiro que estava com a esposa do comerciante, que implorou aos assaltantes para que não matassem o marido.

"Eu me desesperei e comecei a implorar para que não atirassem no meu marido. Tinha um moreno que suava muito e demonstrava muito nervosismo. Um loiro, bastante violento, foi quem bateu forte com a arma na cabeça do Francisco. A mulher, que também estava com uma arma de fogo, destruiu muita coisa procurando por dinheiro", disse  esposa.

Um quarto integrante do bando teria ficado dentro de um veículo, nas proximidades do comércio. Por celular, ele monitorava a ação dos comparsas.

“Todo o tempo, um dos assaltantes conversava com alguém, ao celular, informando que a ação corria bem e que estava sob controle. Até que um deles disse que a ‘casa caiu’ e todos saíram apressados. Instantes depois chegaram duas viaturas da PM, mas os assaltantes já haviam fugido”, disse outra vítima desse assalto.

A polícia vai trabalhar para tentar identificar os autores desse assalto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...