Banner Prefeitura Aedes

Banner Prefeitura Aedes

Elite

Elite

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Carlos Lula rebate críticas e diz que não pediu trancamento da investigação

“Não me intimidarei com ações espetaculosas e coletivas espalhafatosas baseadas em premissas absurdas e “dossiês” falsos e obtidos por meio escandalosamente ilícito”, diz o secretário da SES
O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, rebateu críticas e disse que não pediu trancamento da “Operação Pegadores”, como alardeiam alguns blogs alinhados à oligarquia Sarney.

Os ataques contra o secretário ocorrem depois que a Justiça Federal decidiu que os autos dessa investigação sejam encaminhados ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região, em Brasília. A decisão foi tomada pelo desembargador federal Ney Bello, ao analisar ação impetrada por Carlos Lula, que, como secretário, tem foro privilegiado.

“Não pedi o trancamento da Operação em nenhum momento. O combate à corrupção é um princípio fundamental do Governo Flávio Dino e se faz com absoluta transparência. Basta lembrar que os gastos com as Organizações Sociais sequer constavam no Portal até 2015”, disse Carlos Lula nas redes sociais nesta quarta-feira (13).

Leia a íntegra do posicionamento de Carlos Lula

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...