quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Imprudência: ônibus que atropelou e matou idosa na Avenida Beira Mar estava a 29 km/h na curva, revelam dados da SMTT

O ônibus da linha Calhau/Barramar, que atropelou e matou a idosa Maria de Fátima Araújo de Sousa, de 65 anos, na manhã desta quinta-feira (7), estava a uma velocidade de 29 km/h. É o que revelam imagens do Centro de Controle Operacional da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT). Nas imagens conseguidas pelo blog, pode-se visualizar todo o trajeto percorrido pelo ônibus até o momento do acidente, com um quadro que destaca a velocidade.

O acidente ocorreu às 7h20 no momento em que o ônibus fazia uma curva, saindo da Avenida Beira Mar para acessar a Rua Parque XV de Novembro, que passa nos fundos do antigo Casino Maranhense. A idosa seguia no sentido Viva Beira Mar/Ponte do São Francisco e tentou atravessar na curva, sendo surpreendida pelo ônibus nas proximidades de uma faixa de pedestre apagada.
Para o secretário Canindé Barros, da SMTT, as imagens comprovam que o motorista desenvolvia alta velocidade e foi imprudente. 

“A velocidade de 29 km em uma curva fechada é excessiva. Ele tinha que ter praticamente parado o ônibus. Nessa velocidade, ele poderia ter atravessado para o outro lado da via. A idosa foi morta por conta da imprudência do motorista”, disse Canindé.

Ele acrescentou que  a SMTT não pode colocar faixa de pedestres em uma curva. “O motorista tem que ter consciência. É preciso se ter responsabilidade no trânsito. O Denatran já não permite mais nem colocar redutor de velocidade no asfalto”, acrescentou.

Outra colisão nas proximidades
Poucos instantes após desse acidente fatal, um ônibus da linha Vila Nova/Calhau perdeu o controle e bateu contra um poste da rede de iluminação. De acordo com informações de Canindé Barros, o ônibus fez um desvio pela Rua Parque XV de Novembro, nos fundos do Viva/Casino. 

Ao tentar desviar de um carro, o motorista perdeu o controle e bateu no poste a uma velocidade de 15 km/h. O gráfico do CCO mostra a rota percorrida por esse outro ônibus, até o momento da colisão.

3 comentários:

  1. A culpa é da SMTT que não coloca uma faixa um pouco mais a frente da curva. Canindé quer tirar sua responsabilidade sobre essa tragédia. São Luís tá cheia de lugares que precisam de faixa de pedestre e não tem, além de outras dezenas apagadas. Absurdo, incompetência e irresponsabilidade desses gestores que ainda tentam colocar culpa no motorista!!! Absurdo!!!!

    ResponderExcluir
  2. Concordo plenamente canide quer culpar o motorista quabdo a responsabilidade é dele há varias faixas de pesestres apagadas e nada ele faz e no caso de acidente a culpa é do motorista sem falar q curva tbm nao é lugar para atravessar.

    ResponderExcluir
  3. É muito fácil o sr Canindé Barros colocar a culpa no motorista do ônibus, em São Luis as faixas de pedestres são apagadas e ninguém faz nada. Pelo que foi visto e dito o acidente fatal ocorreu em uma curva, certo? As curvas não são feitas para atravessia principalmente de pedestres

    ResponderExcluir

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...