sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Delegada Nilmar da Gama assume o comando da Superintendência de Investigações Criminais


A delegada Nilmar da Gama Rocha é a nova superintendente de Investigações Criminais (Seic) da Polícia Civil do Maranhão. Ela foi empossada pelo secretário de Segurança, Jefferson Portela, em solenidade realizada nesta sexta-feira (23), na sede da Seic, no Bairro de Fátima, em São Luís.

Em seguida, a delegada participou da reunião para discutir sobre a continuidade das operações de combate ao crime organizado e à corrupção.

“A delegada Nilmar assume a Seic em substituição ao antigo titular, que foi exonerado no Diário Oficial de ontem (22). Ela vai continuar com os serviços dessa importante unidade da Polícia Civil”, disse o secretário Portela.

O secretário acrescentou que a delegada Nilmar é uma profissional respeitada pela sociedade, que tem uma larga experiência na polícia judiciária e agora vai comandar a Seic para fazer o serviço continuado em todo o Maranhão.

A delegada Nilmar da Gama é uma das mais experientes da Polícia Civil e já comandou outras delegacias e superintendências da SSP, como a de Homicídios, Superintendência da capital, Roubos e Furtos, e do Interior.

Ela afirmou que dará continuidade aos trabalhos de investigações realizados na Seic. “Nós vamos continuar com o trabalho de investigações. Fico muito contente de poder fazer parte desse trabalho, até porque sempre fui apaixonada por investigação”, comentou a delegada.

O delegado Thiago Bardal, citado nas investigações, foi exonerado no Diário Oficial dessa quinta-feira (22). O pedido de prisão preventiva já foi feito pela polícia, que aguarda decisão judicial.

Um comentário:

  1. Em 2016, do orçamento da Segurança Pública, foram destinados 47% para a Polícia Militar, 31% para a Secretaria de Segurança, 10% para o Corpo de Bombeiros, 8,4% para o Detran e apenas 0,8% para a Polícia Civil.

    Em 2017, esses percentuais foram praticamente mantidos, caindo para 0,7% o destinado à Polícia Civil.

    Como se pode cumprir o papel de polícia investigativa, contando com menos de 1% do orçamento da Segurança Pública?

    ResponderExcluir

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...