quinta-feira, 29 de março de 2018

Amigos tentam arrecadar R$ 7 mil para traslado do corpo de maranhense morta a facadas em Macaé, no RJ; veja vídeo do apelo


Lidiane foi assassinada a facadas pelo ex-companheiro, Ivan Bispo Silva
Amigos e familiares da maranhense Lidiane de Jesus Correa Martins, de 31 anos, tentam arrecadar R$ 7 mil para traslado do corpo dela para a cidade de Arari, no Maranhão. O pedido foi pela mãe, que quer sepultar a filha em sua cidade natal.

A manicure e pedicure, que residia e trabalhava em Macaé, no Rio de Janeiro, foi assassinada a facadas dentro de um ônibus, na manhã de quarta-feira (28).

O principal suspeito do crime é o ex-companheiro da vítima, identificado como Ivan Bispo Silva. O casal estava separado porque Lidiane vinha sofrendo violência doméstica há algum tempo. Amigos e amigas divulgaram fotos dele nas redes sociais para ajudar na localização e prisão.

Alan Aguilar, um colega de trabalho de Lidiane, gravou um vídeo onde faz apelo para conseguir arrecadar a quantia de R$ 7 mil, que teria sido cobrado por uma funerária de São Luís para fazer o translado do corpo. Ele diz que já tem pouco mais de R$ 3 mil.

Quem puder ajudar, entre em contado com Alan pelo celular (22) 99984-0476 ou deposite qualquer quantia no Banco Itaú, Agência 0941, Conta poupança 09340-3/500. Cód 12339944767.

Veja o vídeo do apelo feito pelo amigo de Lidiane.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...