Prefeitura de São Luís

Prefeitura de São Luís

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Caso Mariano: sarneyzistas sustentam teses baseadas em carta despedida falsa


Desde a descoberta do suicídio do médico Mariano de Castro e Silva, a oposição sarneyzista, sobretudo por meio dos seus asseclas, vê no caso a última chance de virar o consolidado cenário de reeleição do governador Flávio Dino. Para isso, tentam, a todo custo, jogar o cadáver para cima do Palácio dos Leões.

E para relacionar, de maneira torpe e desrespeitosa, o suicídio do médico com o governo, sarneyzistas entraram no ringue do vale-tudo. Primeiro suscitaram tese absurda de que Mariano não tinha se suicidado, levantando suspeitas acerca de uma possível queima de arquivo.

Depois tentaram criar elo entre um habeas corpus impetrado pelo secretário de Saúde, Carlos Lula, ainda no final do ano passado, com a morte do médico.

Agora, de maneira quase que desesperada, exploram uma carta despedida que fontes próximas a própria família de Mariano dizem não ser verdadeira, já que a letra do documento divulgado em blogs é completamente diferente da de Mariano.

O próprio delegado do caso, Francisco Baretta, da Polícia Civil do Piauí, afirma que ninguém teve acesso a tal carta despedida, que possui cinco páginas, mas os sarneyzistas só conseguiram mostrar uma até agora.

A partir desta carta despedida falsa, o império midiático de José Sarney pautou todos os seus ataques contra o governo. Sem saber o conteúdo verdadeiro da missiva, eles usam as informações inverídicas na sanha de desgastar o governo.

Todas as teses sustentadas até o presente momento pelos sarneyzistas de nada valem, já que somente a polícia possui a carta encontrada no apartamento em que Mariano se suicidou em Teresina.

Para os asseclas de José Sarney, isso pouco importa. A verdade nunca foi uma prática usual do clã. Enquanto isso, fake news vão se espalhando de todas as formas. Mas os maranhenses estão atentos às verdades dos fatos.

Um comentário:

  1. Os Sarney da vida São cartas fora do baralho,eram bom eles irem embora do estado,já que nunca fizeram nada pelo estado..

    ResponderExcluir

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...