Prefeitura de São Luís

Prefeitura de São Luís

domingo, 5 de agosto de 2018

Imagens comprovam que advogada Tatiane Spitzner foi assassinada pelo marido

Tatiane Spitzner foi vítima de feminicídio. Imagens mostram advogada sendo covardemente espancada pelo marido e lutando pela vida momentos antes de despencar do 4º andar do prédio onde morava.
Tatiane Spitzner foi encontrada morta no último dia 22 de julho após cair do 4º andar do prédio onde morava, em Guarapuava, região central do Paraná.

Luis Felipe Manvailer, marido de Tatiane, foi preso acusado de feminicídio. A defesa de Luis alegava que ele era inocente, até que imagens de câmeras de segurança do condomínio revelaram o que aconteceu.
Em depoimento à polícia após a prisão, o professor negou o crime e disse que a advogada se jogou depois de uma discussão “normal” de casal.

Momentos antes da advogada cair, as gravações mostram que os dois chegam ao prédio de carro. Segundo a polícia, ainda dentro do veículo, o marido comete agressões contra ela.

Em seguida, Luis retira Tatiane do carro, ainda sob agressões. O casal entra no prédio. A advogada entra correndo no elevador para tentar fugir.
De acordo com o relatório da PM, o caso foi atendido por volta das 3h da madrugada. Os agentes receberam a informação de que uma mulher “teria pulado ou sido jogada da sacada de um edifício, caindo na calçada”.

Ao chegar ao local, os policiais encontraram muito sangue na calçada e foram informados que um homem tinha carregado a vítima no colo para dentro do prédio, ainda conforme o boletim.
O relatório de investigação preliminar da Polícia Civil detalha que, na escada de entrada do prédio, foi encontrado um par de botas femininas e que no segundo elevador havia um brinco no chão.

O relatório informa ainda que “um casal de moradores no apartamento ao lado, relatou que ouviu gritos de uma discussão, vindos do apartamento e que ouviram a mulher gritando por socorro, a qual foi vista pela vizinha, chorando na sacada”.
A porta do apartamento foi arrombada e os policiais encontraram a advogada no chão, com muito sangue na região cabeça. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado, mas ela já estava morta, diz o boletim.
Segundo mostram as imagens, os fatos acontecem nesta ordem:

1. Luis Felipe começa a agredir Tatiane no carro;
2. O professor retira violentamente Tatiane do carro agarra seu pescoço e dá um tapa na cara;
3. Luis Felipe dá um golpe mata-leão em Tatiane, que a deixa desacordada;
4. Tatiane corre de Luis Felipe para fugir ao perceber que sua vida corre risco;
5. Tatiane entra correndo no elevador e novamente tenta fugir, conforme a polícia;
6. Ocorrem agressões no elevador e Luis Felipe impede a fuga da advogada;
7. Queda de Tatiane do 4º andar
8. Luis carrega o corpo da advogada para o elevador do prédio;
9. Luis Felipe limpa os vestígios de sangue do elevador;
10. Luis Felipe vai para a garagem do prédio;
11. Polícia Militar chega ao local para verificar o que aconteceu e Luis foge pela rua lateral.
Informações de Pragmatismo Político

Um comentário:

  1. O pai tem grana .paga pra matar esse vagabundo na cadeia.

    ResponderExcluir

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...