Prefeitura de São Luís

Prefeitura de São Luís

sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Pressionada, Rosa Weber convoca coletiva sobre fake news ao lado do general Etchegoyen


A entrevista, que acontecerá na tarde desta sexta, contará com Raul Jungmann, Gal Etchegoyen, Raquel Dodge, Grace Mendonça, e o diretor-geral da PF, Rogério Galloro 

Da Revista Fórum

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), através da sua presidente, a ministra Rosa Weber, convocou para esta sexta-feira (19), a partir das 16h, no Auditório I do TSE (subsolo), coletiva para “responder aos questionamentos levantados no primeiro turno das Eleições 2018”.

Ao lado da ministra estarão o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI), general Sérgio Etchegoyen, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, a advogada-geral da União, Grace Mendonça, e o diretor-geral da Polícia Federal, delegado Rogério Galloro.

Não haverá credenciamento prévio de jornalistas.

O caso

Em matéria, divulgada nesta quinta-feira (18), a Folha revelou que um grupo de empresários – entre eles Luciano Hang, dono da Havan – está contratando empresas para disparar fake news contra o PT para a campanha de Jair Bolsonaro (PSL). A prática é ilegal, pois se trata de doação de campanha por empresas, vedada pela legislação eleitoral, e não declarada.

Na prestação de contas do candidato Jair Bolsonaro (PSL), consta apenas a empresa AM4 Brasil Inteligência Digital, como tendo recebido R$ 115 mil para mídias digitais. Segundo a reportagem, os contratos chegam a R$ 12 milhões e devem fomentar uma grande campanha de ódio contra o PT a partir de domingo (21), na última semana da campanha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...