quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

Morre menino que teve corpo queimado após cair em carvoaria; Secretaria de saúde oferece ajuda à família

João Miguel Costa estava internado em Goiás após ter mais de 60% do corpo queimado ao cair em carvoaria na cidade de Buriticupu, no Maranhão.
O menino João Miguel Costa, de 5 anos, que teve 60% do corpo queimado ao cair em uma carvoaria, morreu nesta quarta-feira (13) por conta de uma parada cardíaca.

A criança estava em tratamento intensivo no Hospital de Urgência Governador Otávio Lago, em Goiânia, onde estava internado desde novembro de 2018 após sofrer queimaduras de terceiro grau por ter caído em uma caieira na cidade de Buriticupu, a 311 km de São Luís.

A criança vinha evoluindo seu quadro de saúde, segundo familiares que o acompanhavam em Goiás, mas não resistiu a uma parada cardíaca causada por uma infecção contraída nos últimos dias.

João Miguel era o caçula de cinco filhos. O pai da criança chegou a se machucar também a época, pois entrou na carvoaria para tentar resgatar o filho.

Antes e ir para Goiás, ele foi encaminhado para o Hospital Municipal Infantil de Imperatriz, onde ficou na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O secretário de Saúde, Carlos Lula, na redes sociais, lamentou a morte de João Miguel e disse que o céu ganha hoje mais uma estrela. 

“O pequeno João Miguel não resistiu às queimaduras e está agora nos braços de Deus. Os meus sinceros sentimentos à família deste maranhense que comoveu a todos nós”, disse.

Lula acrescentou que equipes da SES já estão em contato com os pais de João Miguel oferecendo passagens aéreas, apoio psicológico e demais serviços funerários.

.
⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...