Rádio Voz do Maranhão

domingo, 21 de fevereiro de 2021

Integrantes de facção matam homem com vários tiros dentro de casa no bairro Andiroba, em São Luís; outro assassinato é registrado no Parque Vitória

Dois casos de homicídios registrados na região metropolitana de São Luís estão sendo investigados pela polícia. Rondinele Serra Costa, de 34 anos, e Arthur Cavalcante Luso Garcez, idade não informada, foram mortos a tiros.

O caso que chamou atenção foi registrado na Rua Júlio França, no Residencial Nova Vida, na área do Andiroba, na zona rural de São Luís.

Segundo informações de moradores da área, um grupo de mais de 40 criminosos invadiu a casa de Rondinele e disparou vários tiros contra ele, que não resistiu e morreu no local. Ele havia acabado de chagar do hospital com a mãe.

O crime, que teve características de execução e possivelmente foi praticado por integrantes de facção criminosa, foi registrado por volta de 2h deste domingo (21).

Após o homicídio, os criminosos ainda saquearam outras residências provocando pânico na comunidade. Equipes policiais foram deslocadas até a área.

“Foi uma situação de pânico total. Nós ouvimos mais de 50 tiros. Depois de matarem o rapaz, que aparentemente não tinha envolvimento em crimes, os integrantes do grupo criminoso fizeram um raspa na casa dele”, dizem moradores da região.

Os criminosos seriam da área do Residencial Tajaçuaba, que querem dominar a região do bairro Andiroba.

Duas viaturas da PM foram ao local, houve troca de tiros, mas os policiais encontraram dificuldades de enfrentar os criminosos, que estavam com armas de grosso calibre. Posteriormente, a polícia mandou efetivo maior para tentar localizar e prender os criminosos.

O corpo de Rondinele ainda se encontra no IML. Familiares aguardam liberação para velório e sepultamento em Turilândia, a 165 km de São Luís.

Assassinato na região do Parque Vitória

O outro homicídio foi registrado por volta das 23h30 no Parque Vitória. De acordo com informações do delegado Felipe Freitas, da Superintendência de Homicídio e Proteção a Pessoas (SHPP), a vítima foi vista saindo de um carro.

A vítima foi identificada como Arthur Cavalcante Luso Garcez, de 20 anos. No local, foi encontrado um crachá de Arthur, que seria funcionário do Supermercado Mateus.

A comunidade informou à polícia que ouviu disparos de arma de fogo naquele horário. O veículo partiu, em seguida, no sentido da Estrada Nossa Senhora da Vitória.

Em uma das mãos da vítima, os peritos encontraram quatro papelotes de substância semelhante à cocaína. O caso está sendo investigado.

Com informações do Imirante

Nenhum comentário:

Postar um comentário