Rádio Voz do Maranhão

sábado, 23 de dezembro de 2023

Maranhenses morrem em acidente com ônibus irregular no Mato Grosso

Dois maranhenses morreram em um acidente envolvendo um ônibus e um veículo de carga no km 699, da BR-163, entre Lucas do Rio Verde e Sorriso, no Mato Grosso. Uma terceira pessoa ficou ferida. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu nessa quinta-feira (21), quando o ônibus, que transportava 35 pessoas, colidiu a parte dianteira contra a lateral do caminhão.

Os maranhenses mortos no acidente foram Helton Caetano Brasil, de 26 anos, que trabalhava na empresa de ônibus, e uma criança de 11 anos que morreu no hospital. O ônibus saiu do município de Paulo Ramos, no Maranhão, e seguia para Sinop. Os passageiros já viajavam há três dias a bordo do veículo. Segundo passageiros, chovia muito na hora do acidente. O Corpo de Bombeiros e equipes da concessionária que administra o trecho estiveram no local para atender a ocorrência.

A inspetora da PRF, Priscila Borges, informou que o ônibus estava em situação irregular. Já o chefe da 6ª delegacia da PRF, Felipe Dias Mesquita, afirmou que não é a primeira vez que a polícia constata irregularidades da empresa no transporte de passageiros, que não tinha autorização para fazer a linha Maranhão - Sorriso.

 "Pelo que o motorista do caminhão falou, o veículo da frente freou de forma brusca e o mesmo também. Ao acionar o freio, o veículo dele deslizou para a contramão vindo a frente do primeiro semirreboque dele colidir com a frente do ônibus", disse.

Procurada pela TV Centro América, afiliada à Rede Globo no Mato Grosso, a empresa de ônibus negou a irregularidade apontada pela PRF. Em nota, a empresa lamentou a morte de Helton Caetano. A PRF informou que os testes do bafômetro foram realizados em ambos os condutores, com resultados negativos para o consumo de bebidas alcoólicas. O motorista do ônibus alegou ter tentado evitar a tragédia, enquanto o condutor da carreta afirmou que a colisão foi provocada por um terceiro veículo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário