Rádio Voz do Maranhão

sexta-feira, 20 de julho de 2012

DE NOVO?: Por indisciplina, Iziane é cortada da seleção olímpica de basquete


DANIEL BRITO
ENVIADO ESPECIAL DA FOLHA A MADRI

A ala Iziane foi cortada da seleção brasileira de basquete que disputará os Jogos de Londres-2012. De acordo com a CBB (Confederação Brasileira de Basquete), a jogadora foi desligada da delegação pela diretora Hortencia Marcari, que tomou a decisão em conjunto com a comissão técnica.

O empresário da atleta, Fábio Jardine, foi ao hotel em que a seleção está hospedada, na cidade francesa de Lille, tentar conversar com a jogadora na manhã desta sexta-feira.

"Nos despedimos ontem à noite e estava tudo tranquilo. Agora fui pego de surpresa com essa notícia", disse à Folha, Jardine.

As jogadoras passaram a manhã reunidas no hotel. A partir desta sexta-feira, a seleção disputa um triangular amistoso com França, Austrália e China.

Iziane segue atualmente um roteiro semelhante ao de 2008, quando ficou de fora dos Jogos de Pequim por questões disciplinares. No Pré-Olímpico em Madri, naquele ano, ela recusou-se a atender ao pedido do então técnico Paulo Bassul, para entrar em quadra no final da partida. Como punição, não foi selecionada para a Olimpíada na China.

Em 2012, Iziane ameaçou não participar dos Jogos por questões financeiras. Em entrevista à Folha, em fevereiro, afirmara que preferia um gordo contrato com uma equipe da WNBA a representar o Brasil nos Jogos.

"Só o prestígio de disputar a Olimpíada não vai pagar as contas no final de cada mês", argumentara à época.

Como não conseguiu assinar com o Seattle Storm, Iziane aceitou disputar os Jogos pela seleção brasileira. A diretora de basquete feminino da CBB, Hortência, disse ter criado até uma escala de pagamentos de diárias diferenciado para as melhores jogadoras do elenco, grupo no qual Iziane fazia parte.

Com o corte de Iziane, o Brasil seguirá com 11 jogadoras para Londres --não é permitido inscrever uma nova atleta, a não ser em caso de lesão comprovada.

A estreia do time dirigido por Luis Cláudio Tarallo na Olimpíada será contra a França no dia 28. Também fazem parte do grupo B Austrália, Grã-Bretanha, Rússia e Canadá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário