Rádio Voz do Maranhão

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Paralisação de obra causa transtornos no trânsito na Avenida Alexandre Moura



A paralisação da obra de recuperação do canteiro central da Avenida Alexandre Moura, entre o Apicum e o Parque do Bom Menino, está causando transtornos a motoristas e pedestres. Todo o canteiro central antigo foi destruído, inclusive com a retirada dos meio-fios. O material retirado não foi recolhido e está solto nas pistas, nos dois sentidos. Nos horários de maior tráfego, forma-se engarrafamento por causa do resto de concreto que dificulta a passagem de veículos.



Indagado, na Rádio Capital AM, sobre os motivos dessa paralisação da obra o Secretário de Obras da Prefeitura, Marco Aurélio, disse que não tinha conhecimento do problemas, mas que iria checar o que estava acontecendo.

Informações dão conta que a empresa responsável resolveu abandonar os serviços de recuperação do canteiro centra da avenida por falta de pagamento. O problema já persiste há mais de duas semanas, sem previsão de quando a obra será retoma.



Concretagem dos troncos das árvores

Na manhã desta quarta-feira (10) a reportagem do blog percorreu a Av. Alexandre Moura para fazer o registro de mais esse descaso da administração de João Castelo.


Além dos restos de material espalhados ao longo da avenida, chamou-nos atenção a concretagem dos troncos das árvores existentes no canteiro central. Essa atitude pode levar essas árvores à morte, pois não estão deixando espaço para que sejam irrigadas ou mesmo que permita a penetração de água da chuva. Isso mostra a falta de fiscalização da obra. 


É bom lembrar que a Av. Alexandre Moura é um dos pincipais acessos ao centro da cidade, no prolongamento da Av. Kennedy. Por ali passam diversas linhas de ônibus. Nos horários de maior movimento, o engarrafamento termina afetando a quem trafega pela Av. das Cajazeiras e Guaxenduba.

 

Um comentário: