sexta-feira, 19 de abril de 2019

Homem baleado ‘posa’ para selfie antes de morrer em hospital na cidade de Santa Inês


Na madrugada desta sexta-feira (19), dois homens foram atingidos por tiros, na Cidade de Santa Inês, a 246 km de São Luís. 

Um deles foi identificado como William, conhecido como “Ieiê”, que terminou morrendo no hospital. Momentos antes de morrer no leito, sem ter sido submetido a cirurgia, ele ‘posou’ para uma selfie feita por um amigo.

A outra vítima não identificada também foi levada para o Hospital Tomaz Martins, e seu estado é grave.

Os tiros foram disparados por bandidos ainda não identificados pela polícia.

Segundo informações de populares, foram disparados três tiros, que atingiram o tórax e o pescoço de Willian, chegando a atravessar seu maxilar.

Ele já tinha várias passagens pela polícia, era bastante conhecido na comunidade e vinha tirando o sossego dos moradores da redondeza da cidade.

O corpo está sendo velado na rua do cajueiro ao lado do posto de lavagem cajueiro, próximo igreja Peniel, na cidade de Santa Inês.

A Polícia Civil segue investigando o caso, para identificar os autores do crime.

Uma pergunta que não quer calar: por que uma pessoa baleada, correndo risco de ter hemorragia, é levada para um leito? Não seria caso de levar para a emergência e de lá, imediatamente, para o centro cirúrgico? Muito estranho.



Um comentário:

  1. Ainda quer questionar a conduta médica acerca desse ser?

    ResponderExcluir