segunda-feira, 2 de agosto de 2021

Flávio Dino diz que militares devem atuar 'nos limites de suas competências' após nota a favor do voto impresso


"Já pensaram quão esquisita seria uma nota conjunta do STF e do TSE sobre estratégias militares?", questionou o governador do Maranhão

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB), criticou a nota dos clubes Naval, Militar e da Aeronáutica nesta segunda-feira (2) a favor do voto impresso, bandeira defendida por Jair Bolsonaro.

"Já pensaram quão esquisita seria uma nota conjunta do STF e do TSE sobre estratégias militares?", questionou Flávio Dino, que é ex-juiz federal. "A democracia exige que cada um atue nos limites das suas competências, com serenidade e prudência", acrescentou o maranhense.

Na nota, os militares defendem que o Congresso aprove a PEC que institui as urnas com impressoras. A emenda constitucional está sendo discutida por comissão especial, mas quase foi derrotada antes do recesso parlamentar.

Bandidos precisam ser contidos

Mais cedo, o governador Flávio Dino disse que os que pregam o cancelamento de eleições são bandidos que devem ser contidos.

“Entre muitos, Locke e Montesquieu ensinam-nos que somente o poder limita o poder. Discursos e notas são úteis. Mas esses bandidos que estão pregando cancelamento de eleições devem ser contidos enquanto há tempo. E somente outros Poderes conseguirão, no exercício dos seus deveres”, disse Dino.

5 comentários:

  1. O STF pode fazer campanha junto ao congresso pelo voto não impresso? Pode se meter em outro poder?

    ResponderExcluir
  2. Nordeste linda as praias. Lugares e comida fabulosa. Lugar de gente inteligente como o atual Ministro da Saúde, o cardiologista da Paraíba, Marcelo Queiroga.

    Já, por outro lado, o PT é cafonérrimo!
    O PT é cheio de mumumudos.
    O PT é barango.

    ResponderExcluir
  3. Bolsonaro reeleito primeiro turno!

    ResponderExcluir
  4. Vamos pra cima ... BOLSONARO REELEITO PRESIDENTE DO BRASIL.

    ResponderExcluir