Rádio Voz do Maranhão

sexta-feira, 5 de janeiro de 2024

Jovem é assassinado a tiros na Vila J. Lima, em São José de Ribamar

Um jovem identificado como Ítalo Vitor da Silva Bastos, de 19 anos, foi brutalmente assassinado a tiros, na manhã dessa quinta-feira (4), por volta das 11h, na Rua 12, na Vila J. Lima, em São José de Ribamar, na região metropolitana de São Luís.

O crime foi cometido por quatros homens, que invadiram a residência de Ítalo e o arrastaram para a rua, onde foi atingido por 15 disparos de arma de fogo.

Segundo o pai de Ítalo, identificado como Ney Michel Furtado Barros, o jovem estava dentro de casa quando os criminosos, que estavam a pé, chegaram à residência e perguntaram por ele. 

Como o jovem não respondeu, os bandidos invadiram a casa e o arrastaram para a rua, onde terminou sendo executado.

Após o crime, os bandidos saíram do local tranquilamente. Policiais no 13º Batalhão isolaram a área, até a chegada de equipes da Instituto de Criminalística (ICRIM) e do Instituto Médico Legal (IML). 

Rondas foram realizadas para tentar localizar os criminosos, mas, até o momento, ninguém foi preso. O crime tem característica de acerto de contas e pode ter sido praticado a mando de facção criminosa.

Em 72 horas, esse foi o terceiro homicídio registrado neste ano na Região Metropolitana de São Luís.

O primeiro crime aconteceu no Anjo da Guarda, na última terça-feira (2), quando um homem de 69 anos foi baleado por duas pessoas que estavam em uma moto.

O segundo assassinato do ano foi registrado na Unidade 205, na Cidade Operária. Um jovem foi perseguido e morto a tiro na noite de quarta-feira.

19 comentários:

  1. Facções tomaram conta da ilha

    ResponderExcluir
  2. Milicianos estão tentando manter o mesmo status que alcançaram de 2019 a 2022. Tiveram acesso a muitas armas. O atual governo está tendo muito trabalho para eliminar esses vermes . Não vai ser fácil, principalmente quando ainda existe muitos adoradores de Satan, propagando ódio e estimulando a violência para culpar o atual governo. Cadeia no BOSTA e em seus seguidores patriotarios

    ResponderExcluir
  3. O Governo vai ter trabalho pra combater essas milícias, acredito que esses milicianos serão presos ou mortos em confronto com a polícia porquecm eles sao audaciosos e tem muitas armas adquiridas no desgoverno quando os traficantes de armas deitaram e rolaram.

    ResponderExcluir
  4. Esses milicianos tem que morrer junto com os terroristas e seus adoradores, Boisonaro e Corrimão enganaram os tapados mas Lula voltou pra salvar o país e lugar de miliciano é na cadeia, compraram até 2 juízes vagabundos pra dominar o país mas o STF não deixou. Viva o STF e Lula.

    ResponderExcluir
  5. Bostanaristas leitores do blog vão a loucura que lembrados do ponta pé que o MINTO de bosta, ladrao de joais, levou do povo brasileiro as ruas, mesmo diante de tantas armações que os seus babões, hoje presos- ex diretores faz de conta dá PF e PRF, armaram nas eleições no Nordeste para impedir os eleitores de comparecerem as urnas. Perderam Manes😂😂

    ResponderExcluir
  6. Governo protetor de bandidos, eis as consequências e vai piorar. Aos petistas analfabetos,é um consolo sempre culpar o governo do Mito. Se fosse tão fácil adquirir uma arma eu já teria a minha há muito tempo, não para sair matando mas proteger a minha família!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tu querias.... né mané? Bostanaristas são tudo frouxo, sem armas andam rebolando...

      Excluir
    2. Decio alargador de anônimo5 de janeiro de 2024 às 14:57

      Esse anônimo é policial de gabinete, a única coisa que prendeu na vida foi uma cobra cega no briôco!

      Excluir
    3. Decia pensa que todos são iguais a ele que deu muito cú nos acampamentos bostanaristas. Vai te tratar louca, Lula vai governar até 2030 e tu vai pirar.

      Excluir
  7. Viva a justiça brasileira, salvou o povo do fascista e seus apoiadores malucos. Cadeia pra Boisonaro e Corrimão, a piricrente.

    ResponderExcluir
  8. A Polícia Federal vai investigar se a venda da antiga Refinaria Landulpho Alves (RLAM), em 30 de novembro de 2021, tem alguma relação com as joias valiosas que o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) recebeu em viagem oficial aos Emirados Árabes.

    Há cerca de dois anos, a empresa vendeu o polo de refino, localizado em São Francisco do Conde, na Bahia, e seus ativos associados para o grupo de investimentos Mubadala Capital, sediado nos Emirados Árabes e pertencente à família real — que presenteou Bolsonaro com joias dias antes da venda do polo.

    Alguém duvida disso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tenho nenhuma dúvida, que vc tem fantasia em dá esse teu cw cabeludo para um bolsonarista bem dotado arrombar !!
      Idiota!! Acéfalo de merda.

      Excluir
  9. Esse Bostanarista que tem um sonho de ter armas, com certeza não conseguiu adquirir uma durante o desgoverno do MINTO de bosta porque não tem dinheiro nem pra comer, imaginem pra comprar uma arma. Isso porque, até milicianos condenados à pena de prisão, conseguiram tirar o porte como CACS. À época do liberou geral acabou Mané. Agora a taboca é pra rachar no lombo de bandidos disfarçados de defensores da Família, pátria e idólatras do falso Messias que se descobriu ser um verdadeiro bandido ladrao de Joais 😂😂

    ResponderExcluir
  10. Até o momento só vi esgoto nesses comentários!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nesse tem esgoto demais, sai merda pela boca desse verme.

      Excluir
  11. Esses faccionados estão se acertando do jeito deles.

    ResponderExcluir