Rádio Voz do Maranhão

terça-feira, 12 de março de 2024

Travesti é assassinada a pedradas em Barra do Corda; autor do crime é preso

O crime ocorreu na região do Santo Antônio, no bairro Vila Sampaio, no município de Barra do Corda, a 447 km de São Luís.

Uma travesti, identificada como Yhan Carlos da Conceição dos Santos, de 21 anos, conhecida como ‘Hyanna’, foi assassinada a pedradas, na madrugada desse domingo (11), no município de Barra do Corda, a 447 km de São Luís. O crime ocorreu no bairro Vila Sampaio, na região do Santo Antônio.

A Polícia Civil do Maranhão (PCMA), trabalha com três possibilidades para motivação do crime. A primeira, seria briga por consumo de crack, pois há informações que a vítima era usuária. A segunda possibilidade seria pela intolerância em relação à orientação sexual, visto que a vítima era travesti e a terceira, seria por desacerto em um pagamento de um programa.

’’Tão logo a Polícia Civil teve ciência do homicídio brutal e cruel contra Yhan, foi empregado todos os esforços necessários para elucidar o caso. Nossa equipe fez um belo trabalho colhendo informações e imagens para chegar na individualização do autor. Agora vamos confirmar os meios como se deu o crime’’, destacou o Delegado responsável pela investigação Brito Júnior.

Assassino preso

O suspeito de assassinar a travesti ‘Hyanna’ foi preso, na manhã desta segunda-feira (11), em uma ação conjunta das polícias Civil e Militar, no povoado Brejo do João, no município de Tuntum. Ele foi identificado como Francisco Ramos, conhecido como “Galeguinho”.

Segundo o delegado Brito Júnior, titular da Delegacia Regional de Grajaú e responsável pelo plantão da Regional de Barra do Corda, o homem foi autuado em flagrante por homicídio qualificado por meio cruel.

Os policiais chegaram até o suspeito após analisarem imagens de câmeras de segurança do local do crime, que fica próximo a uma casa de festa, na Vila Sampaio, onde a vítima e o homem estariam antes do assassinato. Nas imagens foi possível ver o momento em que Francisco passa a agredir ‘Hyanna’ com pedradas.

Na delegacia Francisco alegou ter tido uma briga com a vítima, ao negar manter relações com ela. O suspeito disse também que foi ameaçado pela vítima com uma faca e que estava embriagado na hora do crime.

Francisco já tem passagem pela polícia pelo crime tentativa de feminicídio. Após os procedimentos de praxe, o suspeito foi encaminhado a uma unidade prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

4 comentários:

  1. Viiiiixe. Pintou um clima e deu merda. Cadeia nesse copiador de clima

    ResponderExcluir
  2. Ronaldo fenômeno deu o mau exemplo de sair com travesti, tem doido que segue. Esse povo gosta de seguir golpista, miliciano, ladrão de joias em vez de orar e fazer o bem. Cadeia é pouco!

    ResponderExcluir
  3. Galeguinho trabanhou na campanha do Lula. Agora fica matando os travecos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deixa de ser mentiroso, esse cara andava dizendo que ia aprontar porque Bostanaro gostava de maluco que nem ele.

      Excluir