Rádio Voz do Maranhão

domingo, 9 de junho de 2024

Dono de supermercado na Vila Luizão é sequestrado e libertado após pagamento de resgate de R$ 12 mil

O empresário Francisco Mendanha Pinheiro, proprietário do supermercado Mix Pinheiro, foi sequestrado, na tarde deste domingo (9), por volta das 13h15, em frente ao seu estabelecimento comercial no bairro Vila Luizão, em São Luís.

Os autores da ação criminosa foram dois homens, que estavam em um veículo preto.

A Polícia Militar foi acionada e enviou viaturas ao local. Marcelo Bezerra Pinheiro, sobrinho da vítima, relatou que pagou R$ 12 mil de resgate aos sequestradores.

Após o pagamento do resgate, Francisco Pinheiro foi libertado no bairro Pindaí, em Paço do Lumiar, na região metropolitana de São Luís.

O delegado Joviano Furtado, do 8º DP, assumiu a investigação e deverá utilizar imagens de videomonitoramento e de segurança da região para tentar identificar os criminosos.

11 comentários:

  1. Pode perder o miliciano mor, o MINTO de bista ladrao de Joais. Ele está por trás disso. Doido por dinheiro

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Tens tomado seis remédios??

      Excluir
    2. E ai psicoviado.

      Excluir
    3. Esquerdistas que são chegados nessa raça, você com certeza deve ser uma bichon@!!!

      Excluir
    4. Bolsonaro gosta é de macho e chupetinha também, sem falar em Carluxa. Direitopata enrustido.

      Excluir
  3. Depois do desgoverno do bosta o Brasil piorou, obrigado Lula por nos livrar dessa misera chamado Bolsocaro.

    ResponderExcluir
  4. Virou moda de novo extorsão mediante sequestro, as autoridades tem que tomar medidas extremas urgentemente...

    ResponderExcluir
  5. Na paulista tava cheio de vagabundos, as autoridades precisam prender esses desordeiros.

    ResponderExcluir
  6. Flopou na paulista, só uns gatos pingados. Tinha poucos bandidos da quadrilha ontem lá.

    ResponderExcluir
  7. Toda motociata Bostanaro estava com um macho na garupa. Micheque marmita de Valdemar e do cabeleireiro...

    ResponderExcluir