Banner Prefeitura Aedes

Banner Prefeitura Aedes

Elite

Elite

quinta-feira, 17 de maio de 2018

Empresário morto a tiros em Itaipava do Grajaú era acusado de receptar carga roubada


O empresário Cleiton Silva Reis, o “Careca”, assassinado a tiros na manhã de quarta-feira (16) no momento em que realizava uma venda a um comerciante, no povoado Alto do Coco, em Itaipava do Grajaú, já havia sido preso por envolvimento em uma quadrilha especializada em roubos de cargas na BR-226.

A quadrilha foi desbaratada em 5 de outubro de 2017 por roubar uma carga de secos e molhados, de propriedade do Grupo Matheus, no município de Sitio Novo. 
Os policiais conseguiram recuperar, na oportunidade, toda a carga roubada no assalto, bem como identificar todas as pessoas envolvidas, desde os assaltantes aos mandantes e receptadores. Um dos envolvidos presos foi Carlos Alberto Lima Coelho, ex-policial militar do Estado do Pará.

Foram presos por crime de receptação Rogério Lima Araújo, Joelson Almeida Silva, Cleiton Silva Reis, conhecido por “Careca”, empresário de Barra do Corda,  e Charles Freitas Silva, com mandado de prisão por homicídio na cidade de Imperatriz.
Ainda estava sendo investigado por crime de receptação o empresário e pecuarista de Itaipava do Grajaú Raimundo Nonato Araújo de Sousa, conhecido por “Magno”, que teria adquirido toda a carga roubada, avaliada em cerca de aproximadamente 120 mil reais, pelo valor de apenas 59 mil reais.
Foram apontados como mandantes desse assalto e gerenciadores da carga roubada as pessoas conhecidas por Valdivino Silva e Ildeglan, ambos de Grajaú.

Foram identificados como membros do grupo que teria realizado o assalto ao caminhão, além do policial Carlos Alberto, os homens conhecidos como Rogério, Alex e Roni (todos de Imperatriz, sendo o último do Bairro Lago Verde), além de mais duas pessoas não identificadas no momento da investigação.

Morto a tiros quando fazia uma venda
Cleiton Silva Reis, conhecido também como “Careca”, foi assassinado com três tiros na região da cabeça, na manhã de quarta-feira (16), no povoado Alto do Coco, zona rural do município de Itaipava do Grajaú, a 447 km de São Luís.

No momento do crime, a vítima realizava vendas de mercadorias para comércios nos povoados da região.

Segundo informações do Delegado Regional de Barra do Corda, Renilton Ferreira, o crime tem características de pistolagem.

“Carequinha”, que era conhecido como empresário em Barra do Corda, foi acompanhado de longe pelos assassinos que aguardaram o mesmo sentar em frente a um comércio.

No momento em que ele sentou e fazia anotações para realização de uma venda, de costas para a rua, os assassinos se aproximaram por trás e efetuaram os disparos. 

Pessoas que presenciaram o assassinato relataram á policia que dois homens em uma motocicleta preta teriam chegado e efetuado os disparos contra a vítima que morreu ainda no local.

Um comentário:

  1. Não era gente de bem, pelo visto ...procurou o próprio destino! !

    ResponderExcluir

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...