Rádio Voz do Maranhão

segunda-feira, 24 de julho de 2023

Homem morre após ser arrastado por enxurrada no Recanto dos Pássaros, em São Luís; corpo foi achado a cerca de 2 km do local em que sumiu

A correnteza que levou a vítima se formou após uma forte chuva que atingiu a Grande São Luís, no início da tarde desta segunda-feira (24). O corpo foi arrastado pela correnteza em um córrego que recebe esgoto da região da Cidade Operária e adjacências.

Um homem morreu, na tarde desta segunda-feira (24), depois de ser arrastado por uma enxurrada, no bairro Recanto dos Pássaros, na região da Cidade Operária, em São Luís.

O corpo da vítima, identificada como Otelino de Oliveira Dutra, de 52 anos, foi encontrado no Jardim Tropical I, em São José de Ribamar, na Região Metropolitana de São Luís, a cerca de dois quilômetros do local em que havia sumido.

A enxurrada que levou a vítima se formou após uma forte chuva que atingiu a Grande São Luís, no início da tarde desta segunda. Além de enxurradas, a chuva provocou vários alagamentos em diversos pontos da Região Metropolitana.

De acordo com populares, Otelino de Oliveira estava consumindo bebida alcoólica, por volta de 13h30, quando foi arrastado pela enxurrada, próximo à localidade Valinha, no Recantos dos Pássaros. O local recebe esgoto in natura (sem tratamento) e águas pluviais de toda a região da Cidade Operária e adjacências, transformando-se em um rio.

“Foi confirmado, por vários populares, que avistaram o cidadão percorrendo uma rua, onde tinha um grande volume de água, e ele foi orientado para se retirar. Mas ele decidiu seguir caminho e foi quando ele foi arrastado pela enxurrada”, informou o comandante do Batalhão de Busca e Salvamento (BBS) do CBMMA, o major Wendel.

A equipe de resgate do Corpo de Bombeiros foi acionada e fez as buscas pela vítima. Otelino foi encontrado por volta das 16h, já sem vida, no acesso à alameda São José, no bairro Jardim Tropical I, em São José de Ribamar, por detrás do Cemitério São Lázaro, na Estrada da Mata, na região do bairro Cidade Olímpica.

A chuva forte desta segunda gerou um grande volume de água na região, que a água transbordou o córrego e atingiu várias residências, sendo que no início das buscas pela vítima, os bombeiros ainda presenciaram populares tirando água de dentro de casa.

O CBMMA orienta que, em casos de chuva, a população evite trafegar em ruas que estejam alagadas ou com a correnteza muito forte e que permaneçam, dentro do possível, dentro de suas casas ou em locais seguros. E, em qualquer anormalidade, acionar os órgãos de segurança pública.

Com informações do g1 MA

Nenhum comentário:

Postar um comentário