Rádio Voz do Maranhão

quinta-feira, 7 de março de 2024

Homem que cometeu homicídio em São Paulo é preso no Maranhão; ele devia R$ 80 mil à vítima

 


A Polícia Civil do Maranhão cumpriu, na manhã desta quarta-feira (6), no centro de São Mateus do Maranhão, a 192 km de São Luís, um mandado de prisão temporária contra um homem, de iniciais A.S.C.S., de 38 anos, que matou Rogério Silva Menezes, de 40 anos, em São Paulo.

A prisão ocorreu numa pousada, após a Polícia Civil de São Mateus receber uma denúncia anônima da localização do foragido. De imediato, o Centro de Inteligência da Polícia Civil do Maranhão foi contactado para averiguar junto à Polícia Civil de São Paulo sobre a existência do mandado. 

Uma vez confirmado o mandado de prisão em aberto, foi dada voz de prisão ao investigado.

No momento da prisão, ele ainda apresentou o documento de seu irmão, tentando se passar por este. Ele foi autuado pelo crime de falsa identidade.

Segundo as investigações da Polícia Civil de São Paulo, o investigado teria matado a vítima no dia 23 de fevereiro deste ano. Ele devia  R$ 80.000,00 à vítima. O corpo foi encontrado carbonizado numa vala próximo a estrada do Capivari, em São Bernardo.

O preso foi encaminhado ao presídio de Bacabal, onde ficará à disposição da justiça.

Sobre o crime

O corpo de  Rogério Silva de Menezes, de 40 anos, morador de Diadema, foi encontrado na Estrada da Barragem, em São Bernardo, no dia 23 de fevereiro deste ano, próximo ao local do cadáver que estava carbonizado.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, o veículo foi encontrado em estado de abandono. Perto do local, a Polícia encontrou o corpo parcialmente carbonizado jogado em um bueiro.

Um irmão da vítima disse à Polícia que na quinta-feira (22/02) foi o último dia que viu Rogério. Ele disse que obteve informação de que ele estava em tratativas com um indivíduo, conhecido da família, para receber uma dívida.

Ele informou ainda que Rogério tinha a rotina de ir pegar a filha na faculdade por volta das 20h, entretanto não o fez na quinta-feira e nem informou seu paradeiro. Em depoimento, ainda contou que seu irmão queria ver uma chácara na região do Capivarí, em São Bernardo, e após o desaparecimento dele foi até esse bairro fazer buscas e encontrou o carro dele em estado de abandono.

Imediatamente chamou a Policia Militar e informou sobre o desaparecimento de seu irmão e a localização do veículo. Ocorre que quando estava sendo feito registro da ocorrência, recebeu a informação da localização de um corpo parcialmente carbonizado naquela região, tendo comparecido no local.

12 comentários:

  1. Cometeu crime tem que pagar, como é bom as instituições fortes, funcionando, dando as respostas que a sociedade precisa. Viva Lula, nosso grande presidente defensor da Democracia e dos direitos dos cidadão, nem poderia ser diferente depois de ter sido vítima de juízes bandidos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viva o defensor de ditadores!!

      Excluir
    2. Cruz credo, Bostanaro não. Defensor de ditadores e golpistas.

      Excluir
  2. Leva lula pra tua casa filho do cú

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele tá com tua mulher, tomou dexBostanaro seu cornobi.

      Excluir
  3. Lula um estadista mundial muito respeitado.

    ResponderExcluir
  4. Respostas
    1. Uma família muito conhecida de políticos corruptos. Todos vivem de política: pai, filhos e mulher. Esta última quer ser presidente do Brasil.... kkkkk

      Excluir
  5. Tudo tranquilo no Brasil, governo trabalhando é outra coisa. Viva Lula!

    ResponderExcluir
  6. Golpista tem é que se lascar.

    ResponderExcluir
  7. Mete o molusco 🦑 no teu cú

    ResponderExcluir
  8. Dizem que quem fala muito o nome do orifício traseiro, na verdade não preza o seu, já foi arrombado.

    ResponderExcluir