Rádio Voz do Maranhão

terça-feira, 4 de junho de 2024

Motorista de ônibus é assassinado ao reagir a assalto no trajeto para o trabalho, em São Luís

O motorista de ônibus Fernando Santos de Sousa morreu em um assalto no bairro Novo Renascer, na zona rural de São Luís, na madrugada desta terça-feira (4). No momento em que foi abordado pelos criminosos, ele conduzia uma motocicleta a caminho da garagem da empresa Víper Transportes.

Segundo a Polícia Civil, a vítima trabalhava na linha de ônibus do bairro Jardim Tropical, em São José de Ribamar, que faz linha pela Av. Santos Dumont, em São Luís, passando pelo Terminal da Integração do São Cristóvão.

Familiares contaram que Fernando foi abordado por dois homens, que estavam armados e em uma motocicleta. Eles acreditam que o motorista reagiu ao assalto e em seguida foi morto. Segundo a irmã Keila Vilma, Fernando já havia sido roubado outra vez.

“Meu irmão foi assaltado há seis meses. Levaram a moto dele. E aí ele conseguiu comprar outra. Nessa outra ele não queria dar para o bandido. E lá mataram meu irmão. Eles atiraram nele e ainda levaram a moto. Tudo indica que ele reagiu ao assalto. Ele reagiu ao assalto e mataram meu irmão, infelizmente”, desabafou.

O corpo do motorista, que foi abandonado em uma das ruas do bairro, apresentava marcas de pauladas e tiros.

Segundo a polícia, os moradores da região escutaram vários disparos de arma de fogo. Os bandidos teriam chegado ao ponto de ameaçar um idoso para ele esconder a moto da vítima na casa.

“Um senhor chegou e nos comunicou que dois indivíduos arrombaram sua casa, o ameaçaram e disseram para guardar a moto no interior da casa. Nesse momento, ele saiu, arrumou suas coisas e saiu de casa, foi quando ele encontrou a guarnição. E aí fomos, voltamos com ele para casa. Já por volta das seis horas da manhã.”

Apesar das buscas, nenhum suspeito foi localizado ou identificado. As investigações continuam para localizar os dois indivíduos. O corpo de Fernando será sepultado em Mata Roma, a 282 km de São Luís, onde ele nasceu.

O crime será investigado pela Superintendência de Homicídio e Proteção à Pessoa (SHPP).

Com informação do Difusora News


Um comentário:

  1. Lamentavel governador com a mão suja de sangue aperta o cerco seu comunista contra estes bandidos vc que é tomar moto de trabalhador

    ResponderExcluir