sábado, 29 de outubro de 2016

“Edivaldo venceu o debate e reúne todas as condições para continuar sendo prefeito”, diz Márcio Jerry


do site Maranhão da Gente

O presidente do PCdoB no Maranhão e secretário de Estado de Assuntos Políticos e Comunicação Social, Márcio Jerry, foi um dos entrevistados deste sábado (29) do programa Resenha, da TV Difusora. O programa foi apresentado pelos jornalistas Clodoaldo Corrêa e Leandro Miranda e teve como tema principal o segundo turno das eleições em São Luís.

Entre vários assuntos, durante a entrevista Jerry fez uma análise do último debate entre os candidatos a prefeito de São Luís, exibido na última sexta-feira pela TV Mirante, falou sobre o resultado das eleições municipais para o seu partido, o PCdoB e sobre a participação do governador Flávio Dino nas eleições em São Luís.

Para Márcio Jerry, Edivaldo reúne todas as condições para ser reeleito prefeito, e mostrou mais segurança e preparo no debate da TV Mirante, o que, segundo o secretário, lhe garantiu a vitória no confronto.

Debate

Para Márcio Jerry – jornalista de formação – o debate entre os candidatos influencia sim o voto dos eleitores, e o debate da TV Mirante cristalizou ainda mais a liderança do prefeito Edivaldo, candidato à reeleição e que aparece na frente em todas as pesquisas de intenção de voto.

“Nós vimos ontem um Edivaldo Holanda Júnior muito preparado, tranquilo e incisivo quando foi preciso, para defender o mandato que realiza, que é um mandato aprovado pela imensa maioria do povo de São Luís. Todas as pesquisas apontam Edivaldo como líder nas intenções de voto, e ele ontem teve uma performance muito boa. O debate ajuda a consolidar o caminho de vitória do prefeito Edivaldo nas eleições deste domingo “, defendeu Jerry.

Inusitadamente, para o secretário um dos motivos que garantiram a vitória de Edivaldo no debate foram as especulações disseminadas que apontavam que o candidato peedetista fugia dos debates por não ter preparo.

“Quem ajudou o prefeito Edivaldo foi toda a campanha feita a cerca do debate, de que ele [Edivaldo] seria massacrado. Uma coisa absurda, porque é como se o Edivaldo fosse uma pessoa aparecido ontem e nunca tivesse feito um debate na vida e não tivesse preparo. Tentaram vender uma coisa que é exatamente o que ele não é”, disse.

Para Jerry, por meio do debate Edivaldo pode mostrar grande conhecimento sobre a cidade, falando sobre aspectos diversos da gestão pública, além de ter respondido perguntas e questionado seu adversário, o candidato Eduardo Braide (PMN), sobre uma série de temas, ainda que vários tópicos não foram respondidos ou esclarecidos por Braide.

“Pelo contexto do debate, indiscutivelmente o vencedor foi o prefeito Edivaldo Holanda Júnior”, pontuou.

Crescimento de Edivaldo ao longo da campanha

Perguntado sobre como Edivaldo conseguiu crescer ao longo da campanha, já que ele não aparecia como líder das pesquisas no início da campanha ainda no primeiro turno.

“Aos poucos e progressivamente, de forma consistente e sustentável, o prefeito Edivaldo foi mostrando aquilo que vinha afazendo pela cidade, e foi restabelecendo um diálogo muito produtivo com toda a comunidade de São Luís. A cidade foi percebendo os avanços do governo Edivaldo. Um governo que teve dois momentos de muita dificuldade. O primeiro foi a herança que recebeu: uma cidade desorganizada administrativamente, com déficits em todas as áreas. Ele teve que enfrentar essa situação. Depois de ter arrumado a casa veio uma crise econômica no país que afetou o desempenho de municípios no país inteiro. Ele teve muita capacidade de gestão para superar esse momento de crise”, lembrou.

Jerry falou ainda sobre o benefício que a parceria entre as gestões municipal e estadual  vem garantindo para São Luís.

“Edivaldo teve a capacidade de estabelecer um diálogo muito produtivo com o governador Flávio Dino para fazer parcerias. E o resultado a cidade tá vendo, nós temos um governo de muita ação em todas as áreas. São Luís hoje está indiscutivelmente melhor do que estava há quatro anos”, destacou Jerry.

Gestão transparente e sem corrupção

Para Márcio Jerry, Edivaldo reúne as melhores condições para continuar sendo prefeito. Já que ele teve capacidade de gestão mesmo em tempos de recessão econômica, e por apresentar um notável histórico com gestor transparente e livre de qualquer tipo de acusação de corrupção ou improbidade administrativa em quase quatro anos de governo.

“Edivaldo é um prefeito que tem uma marcar muito importante do ponto de vista da ética na política. Passados esses quase quatro anos de mandato, não se comentou que tenha havido qualquer malfeito, qualquer ato desonesto. É muito importante a população sempre avaliar essa característica: um prefeito que é trabalhador e que é muito honesto”, disse.

Apoio do governador Flávio Dino

Ainda durante a entrevista, Jerry falou sobre a demora do governador Flávio Dino em manifestar seu apoio a um candidato. Ele lembrou que “a cidade inteira sabe que o governador Flávio Dino é do PCdoB”, e que a legenda, além de apoiar publicamente Edivaldo, tem o seu correligionário, o professor, sindicalista e líder comunitário, Júlio Pinheiro, como candidato a vice na chapa do atual prefeito.

“Antes de ser governador, Flávio Dino apoiou fortemente a eleição de Edivaldo em 2012. Ele fez o anúncio quando foi correto politicamente fazê-lo, porque ele não deixa de governar o Maranhão um dia sequer. Com todo o respeito que ele tem pelo Eduardo Braide, o cidadão Flávio Dino tem o direito de manifestar sua posição, e ele tem confiança no trabalho que Edivaldo vem desempenhando na nossa capital”, esclareceu.

Crescimento do PCdoB no Maranhão

De acordo com o secretário, os 217 municípios do Maranhão são, do ponto de vista administrativo, aliados do Governo do Estado. Ele antecipou que Flávio Dino já convocou uma reunião com todos os prefeitos do estado para o próximo dia 25 de novembro.

Márcio Jerry disse ainda que o PCdoB saiu dessas eleições no Maranhão com seu o objetivo cumprido. Além disso, ele destacou que a base de apoio do governador passou para mais de 150 prefeitos.

“Nós tínhamos o objetivo de eleger entre 30 a 40 prefeitos e conseguimos eleger 46. A base de apoio do governador passou de 150 prefeitos. De modo que é um momento muito bom para o Maranhão, de muita unidade e de muita convergência política. Isso vai se materializar em ações concretas para que nos possamos prosseguir esse caminho virtuoso que o Maranhão esta vivendo sobe a liderança do governador Flávio Dino”, finalizou.

 Veja a entrevista completa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...