terça-feira, 9 de agosto de 2016

Valorização dos servidores com responsabilidade, artigo de Robson Paz

“Ações concretas e responsáveis nos fazem crer que o Maranhão está no caminho certo, proporcionando as condições necessárias para que os servidores possam bem executar suas funções e melhor servir à população”, diz Robson Paz.
 
Por Robson Paz

Em tempos em que parte da sociedade coloca o individualismo acima dos interesses coletivos, a ampliação e boa prestação de serviços públicos se reveste de grande relevância para assegurar direitos e cidadania aos desvalidos.

As dificuldades econômicas enfrentadas pelo país têm registrado retração dos serviços públicos e mesmo a desvalorização dos servidores. Serviços públicos essenciais, como saúde, educação e segurança comprometidos. Salários atrasados e/ou parcelados em quase metade dos estados brasileiros.

Como melhorar os serviços públicos sem investir nos servidores, executores das ações que beneficiam a população?  É alentador ver que, apesar da crise, o Maranhão trilha caminho inverso da maioria dos estados com investimentos na valorização dos servidores e melhoria na oferta de serviços públicos.

Um bom indicador é constatar que, depois de décadas, o Estado voltou a fazer concurso público para reestruturar áreas importantes do serviço público. Atualmente, estão em andamento, pelo menos, seis certames.

A melhoria da oferta de serviços públicos no Estado abrange desde a educação, cujo concurso para professores, inseriu 1.500 novos professores na rede estadual de ensino; passando pelo sistema prisional com a realização de concurso para agentes penitenciários; meio ambiente, para contratação de analistas ambientais, além de auditores da fazenda, guarda portuário e procurador do estado.

Outros concursos já foram anunciados pelo governador Flávio Dino, entre estes para a Polícia Militar. Tratam-se de iniciativas que conferem mais capacidade e conhecimento para a melhoria da prestação de serviços e criam mais oportunidades de emprego e renda.

Paralelo a isto, mesmo com queda na arrecadação, o governo do Estado investiu meio bilhão de reais em reajustes, nos últimos 18 meses. Medida contracíclica que entre outros benefícios estimula a economia local.

Mais serviços públicos passaram a ser oferecidos para a população, como saúde preventiva com a Força Estadual de Saúde, conclusão e funcionamento de dois hospitais regionais de média e alta complexidade nos municípios de Pinheiro e Caxias. Outros três serão entregues nas próximas semanas nos municípios de Imperatriz, Santa Inês e Bacabal.

Para esta área foram realizados concursos seletivos, que incluíram mais de 7 mil novos profissionais. Na Segurança pública, mais de 1.500 novos policiais civis e militares concursados.

Os servidores também serão beneficiados com o novo hospital com 154 leitos, 40 consultórios, 20 leitos de UTI e quatro centros cirúrgicos. As obras estão adiantadas com entrega prevista para 2017.

Ações concretas e responsáveis nos fazem crer que o Maranhão está no caminho certo, proporcionando as condições necessárias para que os servidores possam bem executar suas funções e melhor servir à população. Os resultados certamente virão com a redução das desigualdades e oferta de melhores serviços para aqueles que mais precisam.

Radialista, jornalista. Subsecretário de Comunicação Social e Assuntos Políticos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...