domingo, 9 de outubro de 2016

Deputado Eduardo Braide destinou menos de 5% de emendas para São Luís

A constatação é resultado de uma análise feita nas quase 50 emendas nos últimos quatro anos. 
Em 2013, dos seus R$ 1.530.000,00 em emenda parlamentar, nada foi destinado à Prefeitura de São Luís. Todos os recursos foram alocados para outros municípios maranhenses, entre eles, Monção, Humberto de Campos, Mata Roma, Centro do Guilherme e Miranda do Norte.

por Clodoaldo Corrêa

O deputado estadual e candidato a prefeito de São Luís, Eduardo Braide (PMN), contrariou o prognóstico de todas as pesquisas eleitorais e surpreendeu ao alcançar o segundo lugar no primeiro turno das eleições, com 21,34% do total de votos.

Com pouco tempo de propaganda eleitoral, Braide, provavelmente, conseguiu convencer a maioria dos 112.041 eleitores com a participação nos dois debates que antecederam o dia 2 de outubro.

No discurso, Braide prega ser um parlamentar atuante e com amor por São Luís, mas na prática não conseguiu mostrar sua preocupação com a capital maranhense. Municípios como Centro do Guilherme, Maranhãozinho e Mata Roma, onde o deputado não conseguiu voto nas eleições de 2014, foram mais beneficiados do que São Luís na destinação de emendas.

Vale reforçar que Braide mandou emendas para associações culturais em São Luís, mas não enviou recursos para os equipamentos públicos de São Luís, que ele tanto cobra. Não adianta mandar emenda para um grupo folclórico específico no Caratatiua – sabe-se lá com quais interesses – e não para a secretaria municipal de Cultura possa fazer a aplicação mais justa para todas as entidades culturais. Por isso, o Blog está levando em consideração apenas a emenda enviada diretamente para a gestão municipal da qual Braide cobra ações e pretende administrar.

A constatação é resultado de uma análise feita nas quase 50 emendas nos últimos quatro anos. Em 2013, dos seus R$ 1.530.000,00 em emenda parlamentar, nada foi destinado à Prefeitura de São Luís. Todos os recursos foram alocados para outros municípios maranhenses, entre eles, Monção, Humberto de Campos, Mata Roma, Centro do Guilherme e Miranda do Norte.

O montante liberado em 2014 foi de R$ 3.000.000,00. Também nada para a Prefeitura de São Luís. Em contrapartida, outros municípios encabeçaram a lista de agraciados pelas emendas do deputado estadual, entre eles, o município de Anajatuba, onde Eduardo Braide foi alvo de investigação do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF) por possível crime de lavagem de dinheiro.  A única ação que pode ser elencada para São Luís foi de R$ 200 mil em equipamentos do Hospital Aldenora Bello.

Em 2015, a Prefeitura de São Luís também não foi contemplada com emendas do deputado. O montante de R$ 1.780.000,00 foi distribuído entre os municípios de Anajatuba, Maranhãozinho e Icatu. Braide só destinou recurso para a Cantata Natalina de R$ 190 mil, mas nada para que o Executivo Municipal realize ações concretas no município.

Somente este ano, quando já havia decidido ser candidato, o deputado destinou uma emenda, no valor de R$ 300 mil, para a Prefeitura de São Luís adquirir um mamógrafo para o Hospital da Mulher. Logo o município de São Luís, que garantiu 10.198 votos ao Braide nas últimas eleições. Também, ao invés de destinar recursos para que a secretaria municipal de Cultura realizasse as atividades culturais do município preferiu mandar especificamente R$ 150 mil para a Associação Cultural e recreativa do Caratatiua. Isto não é ajudar a cidade. Em 2016, Braide teve R$ 1.620.000,00 em emendas.

O prefeiturável explora politicamente os problemas crônicos da capital maranhense, cuja solução exige muitos recursos, no entanto, pouco trabalhou a favor da cidade, já que em sua atuação parlamentar não se empenhou para solucionar os problemas que evidencia em sua campanha.


Ciente das dificuldades enfrentadas pelo sistema de saúde pública em todo o país, porque não destinou emendas para o Socorrão I e II e Hospital da Criança?

Um comentário:

  1. O MP tem é que investigar essas emendas e sua destinação. Por que essas cidades são uns verdadeiros cemitérios.

    ResponderExcluir

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...