sábado, 22 de abril de 2017

Flávio Dino diz que ‘Mais Asfalto’ não substitui ação municipal

Depois que o governador Flávio Dino lançou o programa ‘Mais Asfalto’, que vem ajudando a resolver problemas de infraestrutura em diversos municípios, alguns prefeitos não querem mais nem fazer o básico: o tapa-buracos. Alegam que o dinheiro dos cofres das prefeituras é escasso. Ficam esperando pelo socorro do governo do Estado, que tem grandes demandas em todas as áreas.

Com esse tipo de comportamento, que chega a mostrar falta de compromisso com a população, e não falta de recursos, esses prefeitos terminam sobrecarregando o Estado, que já tem feito muito para resolver os problemas nas rodovias estaduais, melhorando o acesso a várias regiões.

O problema é que muitos chegam a cobrar do governo até quando o problema é de competência da União, no caso das BRs que cortam o Maranhão, muitas delas precisando de manutenção, pois os buracos põem em risco a vida de muita gente.

Neste sábado (22), o governador resolveu mandar um recado àqueles que cobram do Estado solução para todos os problemas de infraestrutura.

“Um esclarecimento que reitero: o Estado não tem atribuição legal de resolver problemas de estradas federais, as BRs. Outro esclarecimento: vias urbanas (ruas, avenidas) são atribuições municipais. Programa Mais Asfalto ajuda, mas não substitui ação municipal”, disse o governador nas redes sociais.

O governo já assegurou a continuidade do programa ‘Mais Asfalto’, em parceria com municípios. No entanto, faz-se necessário que prefeitos não fiquem acomodados diante da buraqueira que toma conta de cidades.

Até a chegada do programa do governo, senhores prefeitos, façam ao menos operações tapa-buracos para evitar que a população continue sofrendo com o descaso.

Em alguns casos, falta mesmo é competência para gerir a coisa pública.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...